Cuidare lança plataforma de gestão e impulsiona crescimento

 

A pandemia do novo coronavírus impôs uma nova realidade para a sociedade e o desafio para diversos negócios, que precisaram se reinventar para que pudessem encarar os seus efeitos. Neste cenário, empresas que não tinham processos digitalizados tiveram que implantar ferramentas para otimizá-los a fim de economizar tempo e dinheiro. Um exemplo desse movimento é a Cuidare, uma das maiores redes de cuidadores de pessoas do país, sediada em Natal (RN). Com mais de 80 franquias espalhadas em 20 estados da federação, além de Portugal, e cerca de 300 funcionários em seu quadro, ela ajustou toda a cadeia de operação e gestão da rede à logística dos seus profissionais.

 

Mesmo cuidando bem de seu planejamento e controlando o fluxo de caixa, a empresa precisou desenvolver soluções para atravessar uma situação tão adversa como a da pandemia. “Essa expertise não contemplava o enfrentamento de uma pandemia. Isso fez com que precisássemos rever nossa estratégia para adequar o negócio ao novo momento, otimizar tempo, dar conta da demanda e transmitir esse entendimento para nossos franqueados suportarem melhor o período”, afirma Vladimir Barros, diretor administrativo da Cuidare.

 

Na pandemia, a busca pelos seus serviços - focados, em especial, nos idosos - subiu 30%, o que exigiu a implantação de um software de gestão para ajudar os franqueados no gerenciamento de suas unidades. A troca do sistema de ponto dos funcionários foi uma das principais mudanças observadas na rede. “Antes, todos os registros de ponto eram feitos em papel impresso, anotados a lápis ou caneta. Esse processo anterior, além de moroso e do qual se exigia o envio do material original para a matriz, também era frágil em relação à segurança de suas informações, pois era passível de rasura, de alterações de horários ou mesmo do extravio do papel impresso”, detalha Vladimir.

 

O modelo anterior foi substituído pela batida de ponto online, através do celular do funcionário. O sistema conta com geolocalização, que garante que o profissional está no local onde irá realizar a atividade. Segundo Vladimir, a própria ferramenta elabora o relatório de ponto de cada colaborador, com horários exatos, número de dias trabalhados, horas extras, faltas, atestados, salário base e rendimentos extras. “Antes, todos esses pontos eram calculados a mão, conferindo-se planilhas diversas, muitas das quais com anotações em papel impresso. Assim, trabalhos que antes consumiam dois ou três dias de um profissional, agora estão prontos quase instantaneamente”.

 

As mudanças têm surtido efeito e rendendo frutos para o faturamento e tamanho da rede, que acaba de inaugurar unidades no Ceará, no Rio Grande do Sul e a nova sede da franqueadora, em Natal, além de ter operações em fase de implantação no Mato Grosso, no Paraná, na Argentina e no Canadá. Só em 2019, a rede faturou mais de R$ 14 milhões e a expectativa é de crescimento em 30% em 2020. De março para cá, o aumento já ultrapassa os 20%, no comparativo com o mesmo período do ano passado.   

 

Mais informações em www.cuidarebr.com.br

 

Saiba mais sobre a franquia Cuidare!

  

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising
  

Encontre a melhor franquia para você