Franquias de Limpeza e Conservação

Em crescimento, o setor de Limpeza e Conservação viu seu faturamento crescer 6,2% no ano passado. Conforme dados da Associação Brasileira de Franchising - ABF, em 2017 o faturamento das redes foi R$1,354 bilhões contra R$1,275 bilhões em 2016. No que diz respeito ao número de unidades abertas no ano passado a taxa de crescimento foi um pouco maior, 7,0% em relação a 2016.

O número de unidades e o crescimento no faturamento é uma resposta do mercado para a maior procura por esse tipo de serviço em virtude do aumento da profissionalização do setor e da regulamentação que a PEC das Domésticas trouxe para o setor. A Lei prevê novos direitos trabalhistas para a categoria, e fez com muitas pessoas buscassem empresas em vez de pessoas físicas para este tipo de serviço aumentando a demanda das profissionais do setor.

Para se investir no mercado de franquias, opções não faltam incluindo franquias com investimento baixo e de rápida e fácil instalação. O perfil do franqueado exige alguém proativo e excelente de prospecção. O novo franqueado também tem que ser bom gestor de pessoas uma vez que é ele quem vai contratar de mão de obra e gerenciar os serviços prestados. Quando maior a satisfação do cliente maior as chances dele indicar o serviço e este é um setor que tradicionalmente se vale muito de indicações, o famoso boca-a-boca.