De franqueado a franqueador: como empresário transformou rede de franquias de gelatos artesanais

Dirceu Azevedo se tornou franqueado da rede Milk Creamery em 2019 e dois anos depois adquiriu a marca; empresário tem adotado iniciativas que estão aumentando o faturamento e o alcance da rede

De franqueado a franqueador: como empresário transformou rede de franquias de gelatos artesanais

Quando um empreendedor decide investir em uma franquia, um dos motivos que permeiam essa decisão é a identificação com a marca, o segmento e o modelo de negócio. Afinal, esses são requisitos fundamentais para o sucesso do projeto. Mas quando Dirceu Azevedo decidiu se tornar um franqueado da rede de gelatos artesanais Milk Creamery em 2019, ele não imaginava que essa identificação faria com que ele se tornasse proprietário da marca dois anos depois.

 

Desde que inaugurou sua primeira operação no então recém-inaugurado Shopping Jockey Plaza, em Curitiba, o empresário colheu bons resultados com a operação, mas percebia a dificuldade da rede em ter uma estrutura adequada de suporte aos franqueados. Aos poucos, sua experiência profissional e trajetória consolidada especialmente no segmento comercial fez com que ele ganhasse evidência perante os proprietários da marca. Aos poucos, se tornou o escolhido para pilotar novos projetos e testar novas estratégias – passando a sugerir também alternativas para toda a rede.

 

Em 2021, adquiriu uma unidade de outro franqueado no centro gastronômico Souq, localizado também na capital paranaense. Em pouco tempo, acertou a operação, que passou a conquistar resultados mais sólidos e rentáveis. Rapidamente se tornou uma referência na rede, pelos resultados que estava alcançando. No mesmo ano recebeu o convite de assumir a marca e Dirceu aceitou se tornar oficialmente o franqueador em outubro do ano passado. “Foi algo natural, meu envolvimento já era tão grande que eu nem sequer senti a transição”, explica o empresário.

 

A formalização aconteceu quase no final de 2021 e desde então Dirceu tem promovido mudanças para fazer a marca expandir de vez pelo Brasil. “Nossa rede sempre teve um crescimento tímido e para mim algumas soluções eram muito evidentes para transformar o modelo de negócio em algo mais interessante para o empreendedor que deseja ser nosso franqueado”, destaca. Aos poucos, ele foi implantando mudanças e se aproximando dos franqueados atuais, fortalecendo esse relacionamento.

 

Uma das primeiras iniciativas adotadas foi facilitar um dos grandes problemas de uma gelateria: a logística dos produtos. Dirceu passou a implantar nas lojas a produção própria, criando bases prontas em pó que são preparadas nas próprias operações. “Isso representa economia em transporte e armazenamento, além de agilizar a reposição do estoque, garantir produtos frescos e de alta qualidade e aumentar a rentabilidade do franqueado”, afirma.

 

Além disso, o inquieto empresário tem uma busca incansável por novos fornecedores que possam facilitar o investimento inicial em uma franquia da Milk Creamery. “Hoje nosso investimento gira em torno de R$ 350 mil, mas graças as nossos parceiros estamos conseguindo encontrar alternativas para diminuir cerca de 30% a 40% desse valor com equipamentos que garantem a mesma qualidade, com preços e condições de pagamento mais facilitadas”.

 

Não satisfeito, Dirceu também foi atrás daquilo que ele sentia falta para a empresa: uma celebridade que divulgasse a marca ainda pouco conhecido. E ele tinha um alvo em mente: Beca Milano. A chef confeiteira conhecida por ser jurada dos programas Bake Off Brasil e Fábrica de Casamentos no SBT, além de ter programas sazonais no Discovery Home & Health, acumula mais de três milhões de seguidores no Instagram e já havia participado da inauguração da primeira operação do empresário em 2019. O convite foi aceito e Beca se tornou oficialmente embaixadora da Milk no mês passado, tendo como um dos papeis participar das próximas inaugurações de novas franquias da marca.

 

Os resultados aos poucos começam a aparecer.  “Julho, que sempre foi um dos piores meses do ano para o nosso perfil de operação, foi o melhor mês desde a abertura da Milk, com um resultado 45% maior que julho de 2019 e 20% a mais se comparado a média dos meses de dezembro que costuma liderar os rankings anuais de faturamento. E junho, em que esperávamos uma queda de 20% no faturamento, se manteve estável.”

 

Os números estão animando Dirceu, que está investindo forte na expansão de sua rede de franquias e também na estruturação da equipe de suporte ao franqueado. “Usamos os primeiros meses de 2022 para arrumar a casa e pilotar novos projetos, inclusive com novos modelos de negócio: um modelo de Quiosque e o Milk To Go, com investimento previsto a partir de R$ 99 mil. Decidimos acelerar a expansão com a entrada da Beca e já colhemos resultados, pois em pouco mais de um mês, duas novas franquias já foram comercializadas. Agora estamos focando em ter uma estrutura adequada para garantir o sucesso do nosso franqueado”, destaca o empresário.

 

A expectativa é que a rede atinja um faturamento superior a R$ 6 milhões em 2022, representando um crescimento na casa dos 25% se comparado a 2021 e superior a 40% comparando com 2019, antes da pandemia – isso sem contar novas franquias que inaugurem ainda este ano (atualmente são sete unidades abertas, concentradas no Paraná e Santa Catarina, e duas em implantação em São Paulo e Rio de Janeiro). “Completamos cinco anos de existência da Milk em outubro e vamos celebrar essa data com o crescimento sólido e saudável da rede, que está amadurecendo cada vez mais”, celebra Dirceu. “Queremos nos tornar a vaquinha mais querida do Brasil”, finaliza o empresário, em alusão ao mascote da marca.

 

INVESTIMENTO E RETORNO

Atualmente, o investimento em uma unidade Milk Creamery é de R$ 350 mil. O valor pode ser menor dependendo da região do franqueado e das negociações com os fornecedores de equipamentos. O faturamento mensal gira em torno de R$ 65 mil a R$ 90 mil por mês, com um lucro mensal de 35% a 40% da receita bruta e um payback de 14 a 24 meses. Os royalties são de 5% sobre o faturamento bruto mensal e 2% da receita é destinada para o Fundo de Marketing.  

 

 

grupo do whatsapp sua franquia

 

CONHEÇA A FRANQUIA POR FAIXA DE INVESTIMENTO IDEAL PARA VOCÊ

 

Encontre a melhor franquia para você: franquias por segmentos e ramos

Confira mais artigos em: gurus do franchising

 

Encontre a melhor franquia para você