Conheça 10 redes do segmento de vestuário masculino, feminino e infantil

Com resultados positivos em 2017, segmento promete manter ritmo de crescimento em 2018

Embora o número de unidades franqueadas tenha caído 0,1% em 2017, o faturamento das franquias do segmento de vestuário cresceu 7% em relação ao ano anterior, conforme último balanço realizado pela entidade do setor, a Associação Brasileira de Franchising. O segmento é um dos principais do mercado de franquias e, em 2018, deve manter o ritmo com ótimas oportunidades de crescimento.

Prova disso é a projeção otimista da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit) que prevê que o faturamento do setor têxtil e de confecção deverá registrar crescimento de 5,5% em 2018, alcançando R$ 152 bilhões e um aumento da produção de vestuário deve 2,5%, 4% na produção têxtil e de 5% no varejo de vestuário.

Em um cenário tão promissor, as redes de franquias investem em sua expansão e buscam franqueados para novas unidades no país. Para facilitar ainda mais essa expansão, as marcas do segmento também têm buscado alternativas para criar modelos de negócios mais enxutos mirando os empreendedores que buscam franquias com baixo custo inicial de investimento. Assim nascem negócios os modelos porta a porta, que excluem a necessidade de um ponto comercial que é um exemplo entre tantos modelos menores.

Confira abaixo algumas redes do setor, com expectativa de expansão em 2018:

1 - Aramis Menswear

Rede de vestuário masculino possui 75 unidades e oferece peças que vão da linha social a Jeanswear, atendendo com versatilidade e descontração o homem em seus momentos de trabalho, férias e fim de semana. Para ter uma unidade da rede o investimento inicial varia entre R$800 mil até R$1.5 milhão, com faturamento médio mensal de R$250 mil e retorno estimado em 36 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Aramis Menswear

2 - Lilica & Tigor

Uma das maiores franquias de vestuário infantil do Brasil possui mais de 130 lojas. Oferece mix de produtos variados para meninas e meninos entre 0 e 10 anos. O investimento inicial é de R$510 mil, com faturamento médio mensal na casa dos R$ 120 mil e retorno do investimento estimado a partir de 36 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Lilica & Tigor

3 - Marisol

Marisol é uma marca de roupas que tem as crianças entre 0 e 12 anos como público alvo. As roupas buscam ser confortáveis e coloridas, além de seguirem as tendências da moda.  A rede lança 5 coleções por ano nas principais linhas da marca são: básicos, casual, praia, meias, acessórios e calçados. O investimento inicial é de R$420 mil com faturamento médio mensal de R$80 mil e retorno previsto a partir de 36 meses após a abertura da unidade.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Marisol

4 - Outlet Lingerie

Especializada em outlet de moda íntima e oferece para o consumidor final produtos de grandes marcas, sem defeitos, e com até 70% de desconto.  Possui 120 unidades no país e conta com a parceria dos grandes fornecedores de moda íntima do Brasil, que inclusive produzem coleções exclusivas (modelo americano de negócios em outlet). O investimento inicial varia entre R$205 mil e R$220 mil com faturamento médio mensal de R$55 mil com retorno previsto entre 18 e 36 meses de operação.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Outlet Lingerie

5 - Malwee

Fundada em 1968, a Malwee é uma marca vestuário tradicional brasileira. A rede possui 25 unidades que oferecem roupas para homens e mulheres.  A rede conta com a matriz de Jaraguá do Sul, SC, é acompanhada de uma segunda malharia na cidade e de unidades em Pomerode (SC), Blumenau (SC), Camacan (BA) e Pacajus (CE). O investimento inicial para abrir uma unidade da rede varia entre R$517 mil e R$717 mil e retorno estimado em 36 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Malwee

6 - Lode

Desde 2005 a Lode figura nas vitrines das lojas multimarcas do Brasil. A rede nasceu com lojas franqueadas em 2011 e o plano de expansão prevê unidades em todos os estados brasileiros. A rede oferece peças femininas para mulheres com estilo cosmopolita. O investimento inicial para se abrir uma unidade da marca varia entre R$ 100 mil e R$145 mil com faturamento médio mensal de R$80 mil e retorno estimado entre 16 e 24 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Lode

7 - Polo UK

Com peças inspiradas nos jogos de Polo, a rede oferece coleções casual wear, de roupas e acessórios, direcionado ao público masculino, feminino e infantil. Tudo com fabricação própria para fornecimento às lojas próprias e franqueadas. O investimento inicial varia entre R$185 mil e R$195 mil e retorno estimado entre 12 a 24 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Polo UK

8 - Lápis de Cor

Criada em 1982, a Lápis de Cor é uma das grifes infantis de maior tradição no mercado. As lojas da rede oferecem peças para crianças entre 02 meses aos 12 anos. O investimento inicial para se ter uma loja da rede varia entre R$225 mil e R$247 mil com faturamento médio mensal R$60 mil e retorno entre 24 a 36 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Lápis de Cor

9- Folic

A rede de vestuário feminino oferece peças contemporâneas nas 32 unidades abertas. O investimento inicial varia entre R$230 mil e R$330 mil com faturamento médio mensal de R$120 mil e retorno previsto entre 10 e 24 meses.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Folic

10. Tip Top

Com 108 unidades no país, a Tip Top é uma rede de lojas especializadas no segmento bebê e infantil com posicionamento de preços voltado ao médium market. Para se abrir uma unidade da rede o investimento inicial é de R$420 mil com faturamento médio mensal na casa dos R$85 mil com retorno estimado entre 30 e 36 meses após abertura da loja.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Tip Top

 

Fonte: SuaFranquia - www.suafranquia.com

Encontre a melhor franquia para você

-->