Franquia tem como sócio o atleta Maurício Shogun, campeão mundial de MMA

sucesso se deve ao fato de ser um negócio acessível e com alta demanda

 

Sucesso se deve ao fato de ser um negócio acessível e com alta demanda

 

São Paulo, agosto de 2020 - ​Apesar do susto causado pela pandemia, a franquia Sr. Espetto se manteve em alta nos primeiros seis meses do ano. De janeiro a julho, foram inauguradas 10 unidades da rede em cidades como Recife, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Há um ano sob a direção de Maurício Shogun, campeão e lenda do MMA mundial, e seu sócio, Fernando Martins, a rede passou de apenas seis unidades em agosto de 2019 para 47 em agosto deste ano.

 

"O sucesso do nosso modelo se deve ao fato de ser um negócio acessível e rentável, com retorno rápido e investimento módico. Idealizamos algo para atender pessoas que desejam adquirir um negócio de alta demanda, sem necessidade de grandes aportes financeiros", esclarece Shogun. O prazo para recuperação do investimento é de 12 a 24 meses.

 

Há um ano, Shogun decidiu investir em um negócio no qual pudesse atuar depois de encerrar sua carreira de sucesso como lutador. O atleta é ex-campeão mundial dos pesos meio-pesados (até 93 kg) do UFC. Ele acumulou notáveis vitórias contra muitos nomes consagrados do MMA mundial, como Evangelista "Cyborg" dos Santos, Quinton Jackson, Antônio Rogério Nogueira, o Minotouro, Alistair Overeem, Ricardo Arona, Mark Coleman, Kevin Randleman, Chuck Liddell, Lyoto Machida, Forrest Griffin, entre outros.

 

No auge da pandemia, para evitar que unidades fechassem, sobretudo aquelas localizadas dentro de shoppings, ele conta que a franquia precisou tomar algumas medidas emergenciais. "Uma delas foi retirar os ​royaties temporariamente e abrir novas opções de pagamento para que nossos franqueados pudessem respirar", acrescenta ele.

 

Segundo o sócio Martins, até o final do ano a franquia está também facilitando o pagamento da taxa de adesão e postergando a aberturas, estendendo o prazo de inauguração para novos franqueados. "Esta foi uma forma encontrada para não prejudicá-los, principalmente aqueles dos Estados do Rio de Janeiro e São Paulo, que mais sofreram com o isolamento social", explica.

 

Com investimento total a partir de R$54 mil, o franqueado tem acesso ao software de gestão da própria rede e suporte completo - incluindo, por exemplo, treinamentos, projeto arquitetônico e de decoração e campanhas de marketing, além de claro, poder usar a vontade, a imagem de Maurício Shogun nas divulgações de sua loja. O lucro mensal é a partir de R$6 mil.

 

Para o próximo ano, os sócios se mostram ainda mais otimistas. Em 2021, a dupla pretende chegar a 70 lojas abertas. "Acreditamos que as coisas devem se normalizar o quanto antes e há muito potencial para crescer, sobretudo pelas pessoas estarem sempre em busca de um plano B - seja para viver ou para complementar a renda", finaliza Martins.

 

Sobre Maurício Shogun
Mauricio Milani Rua, o Shogun é um lutador brasileiro de artes marciais mistas (MMA). Foi campeão no GP da categoria peso-médio do PRIDE 2005 e é ex-campeão mundial dos pesos meio-pesados (até 93 kg) do UFC.

 

Durante sua carreira, acumulou notáveis vitórias contra muitos nomes consagrados do MMA mundial, como Evangelista "Cyborg" dos Santos, Quinton Jackson, Antônio Rogério Nogueira, o Minotouro, Alistair Overeem, Ricardo Arona, Mark Coleman, Kevin Randleman, Chuck Liddell, Lyoto Machida, Forrest Griffin, entre outros.

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising

Encontre a melhor franquia para você