A era dos cachos: nicho de mercado é oportunidade para quem pensa em empreender

Segundo uma pesquisa realizada pelo Google BrandLab, em 2017, pela primeira vez no Brasil, houve maior número de buscas no google por cabelos cacheados em comparação a lisos.

Nos últimos anos, pesquisas com o termo "cabelo cacheado" cresceu 232%. O reflexo da onda dos cabelos sem química, abre no setor de beleza uma lacuna de mercado que busca profissionais capacitados para atender as necessidades específicas do público cacheado e crespo, tornando-se uma grande oportunidade para quem deseja empreender. Um especialista neste tipo de cabelo pode alcançar um salário superior a R$ 6 mil.

É do Brasil o topo do ranking entre os países com maior diversidade de tipos capilares, onde a grande maioria são variações de fios cacheados. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Beleza Natural em parceria com a Universidade de Brasília, 70% dos brasileiros possuem cabelos encaracolados. Outra pesquisa, esta do Google BrandLab, mostra que três em cada cinco mulheres com cabelo cacheado usam o youtube para conseguir dicas de cuidados, uma em cada três usam o site como fonte de informação sobre beleza e 50% das buscas são relacionadas a cabelo. De 2015 a julho de 2017, as buscas por "transição capilar", período em que nenhuma química é usada até o crescimento total do cabelo natural, subiram 55%. A alta na procura pelos fios naturais reflete no setor da beleza, que abre um nicho lucrativo para quem deseja investir na área. "É cada vez maior o número de mulheres que buscam por um profissional especializado em cachos. Hoje, são inúmeros os salões de beleza que trabalham tendo como base os procedimentos padrões dos cabelos lisos e não conseguem atender este público. É neste momento que surge a oportunidade de negócio", afirma o gerente de marketing do Instituto Embelleze, maior rede de franquias da América Latina voltada para a formação profissional em beleza, Eduardo Costa.

Atento aos movimentos do setor, o Instituto Embelleze incluiu no portfólio da rede o curso "Especialista em Cachos", que já formou 6 mil alunos desde que foi lançado, há pouco mais de um ano. Segundo Eduardo, um profissional formado, especializado no cabelo cacheado, consegue uma renda mensal em torno de R$ 6 mil. "Apostar em um salão de beleza especializado em cachos pode ser uma grande oportunidade de independência financeira. Ainda são escassos os profissionais e estabelecimentos que conseguem atender a demanda deste novo público, respeitando os cuidados necessários e as técnicas específicas de corte e coloração, diferentes dos procedimentos convencionais. O cenário é uma ótima oportunidade para quem deseja apostar na especialização para ingressar – ou voltar – ao mercado de trabalho", afirma.

Foi buscando uma maneira de se destacar no mercado, que a aluna Valdeci Souza, se matriculou no curso de "Especialista em Cachos", do Instituto Embelleze. "Quando comecei o curso de cabeleireiro profissional, eu era muito requisitada para cuidar dos cabelos das minhas amigas, em grande maioria cacheadas e crespas. Foi então que decidi me especializar também neste nicho. Eu possuo um cabelo crespo e, ainda assim, me surpreendi com as inúmeras diferenças na maneira de se tratar um cabelo enrolado em comparação aos lisos. Hoje, além de construir uma confiança maior com o meu próprio cabelo, também consegui conquistar um leque fiel de clientes cacheadas que não encontravam profissionais capacitados na nossa região. Com esse crescimento profissional, pretendo abrir meu próprio negócio após a finalização do curso – onde sonho atender ambos os públicos, liso e cacheado. Sem restrições!".

Para o executivo do Instituto Embelleze a aceitação dos fios naturais será cada vez maior e o mercado precisa estar preparado para receber essa parcela das mulheres. "É a hora de se profissionalizar e se estabilizar no mercado. Apesar da tendência da transição capilar acontecer há um tempo, ainda existe muita escassez de profissionais aptos à cuidar de cabelos cacheados. Normalmente, não é uma decisão fácil assumir o cabelo natural, então aquela mulher precisa sair do salão com a certeza que tomou a decisão correta", finaliza.

Sobre a franquia Instituto Embelleze

Fundado em 1998, o Instituto Embelleze é a maior rede de franquias da América Latina voltada para a formação profissional em beleza. Aderiu ao franchising em 2003, após parceria firmada com a SMZTO Holding de Franquias. Pioneira no setor, a rede acredita que é possível transformar vidas por meio da educação e capacitação de profissionais na arte de embelezar. Presente em todo o território nacional, a marca possui aproximadamente 350 unidades no Brasil e inicia o processo de expansão internacional com duas unidades inauguradas no Equador, além de uma nos Estados Unidos com previsão de inauguração até o fim de 2019. Em 15 anos, já são mais de 2 milhões de profissionais formados como cabeleireiro, barbeiro, maquiador, depilador, manicure e pedicure, designer de sobrancelhas, entre outras especializações. Em 2018, a rede recebeu o seu décimo Selo consecutivo de Excelência em Franchising, concedido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF).

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos

 

Fonte: Assessoria - www.suafranquia.com

Encontre a melhor franquia para você

-->