Clínica da Cidade lança modelo mais enxuto de franquia para médicos e empresários interessados em investir em cidades com menos de 150 mil habitantes

Modalidade denominada “Start” conta com investimento de R$490 mil

A Clínica da Cidade - rede referência em medicina acessível com mais de 20 anos de atuação no mercado brasileiro – apresenta novo “modelo de entrada”, a partir de 490 mil, para regiões com menos de 150 mil habitantes, uma excelente opção para médicos que querem empreender que exige investimento de R$490 mil.

A pandemia do novo coronavírus tem colocado uma enorme pressão sobre a infraestrutura, profissionais e cadeia de abastecimento do setor da saúde. A crise sanitária acelerou as mudanças em todo o ecossistema, forçando os sistemas de saúde público e o privado a se adaptarem em um curto período. Diante dos fatos da nossa fase de superlotação dos leitos do SUS (Sistema Público de Saúde) pelo Brasil, já que a média diária de novas infecções voltaram a crescer, o sistema privado tem ganhado ainda mais relevância e tem assumido um papel essencial no cenário atual da saúde no país, e a Clínica da Cidade é um bom exemplo disso.

 

 

Com a forte missão de levar medicina acessível para todos os cantos do Brasil, a Clínica da Cidade tem sido uma verdadeira alternativa ao SUS ou opção para aqueles que não têm ou deixaram de pagar o plano de saúde, devido aos altos reajustes ou mesmo pela incapacidade financeira. Prova disso é que estão presentes em mais de 10 estados brasileiros e chegam a atender 25 mil pacientes por mês, com consultas 75% mais acessíveis do que uma consulta particular, e sem a burocracia do sistema público, que leva meses para o agendamento de um atendimento médico

 

Com o novo modelo “Start”, a marca também adentra cidades menores, de até 150 mil habitantes, com uma necessidade extrema de serviços de saúde de qualidade, o que tende a triplicar o acesso dos brasileiros à saúde. “Para isso, buscamos investidores interessados em atuar em um dos segmentos mais importantes da atualidade, o da saúde, e que tende a ganhar ainda mais notoriedade nos próximos anos”, diz Jairo Stadler, diretor de expansão da Rede Clínica da Cidade, que emenda dizendo que para facilitar o empreendedorismo, a franqueadora possui parcerias com instituições financeiras, cujo objetivo é oferecer mais facilidade para quem não possui a liquidez total para iniciar o projeto.

 

O modelo Start foi também idealizado para atrair médicos que querem “deixar a linha de frente” e apostar em um negócio próprio, sem se afastar da área. “Hoje, pelo menos, 10% dos investidores são médicos. Como é um modelo bem estruturado e rentável, têm chamado muita a atenção dos profissionais da saúde, que agora buscam manter sua missão que é cuidar das pessoas, mas priorizando a qualidade de vida”, explica Stadler.

 

 

 Jairo Stadler, diretor de expansão da Rede Clínica da Cidade

 

 

As projeções para as grandes cidades continuam

Os modelos tradicionais de investimentos para cidades acima de 150 mil habitantes, como o Essential, que pede capital inicial a partir de R$ 636 mil para ter uma estrutura de 160m²; Select que exige R$794mil com 220m² e, o modelo Premium, R$973 mil com 310m², continuam em plena expansão, afinal, os grandes centros necessitam de medicina acessível. “Continuaremos apostando também nas infraestruturas maiores para sediar de 5 a 8 consultórios e mais de 20 especialidades médicas, salas de exames e ponto laboratorial”, conta o diretor.

O objetivo da rede é estar em todas as capitais e cidades brasileiras, a fim de democratizar o acesso à saúde no País, para quem não tem convênio ou para aquele que busca atendimento particular a preço acessível”, conclui o executivo. 

Sobre a Clínica da Cidade –fundada, em 2003, pelo casal José Carlos Teixeira e Cláudia Teixeira, em Campinas. A rede segue com proposta inovadora de levar “medicina acessível” à toda a população brasileira. A marca rapidamente expandiu pelo interior e capital paulista, e, em 2018, começou a franquear. Atualmente, conta com 62 unidades em operação/implantação, sendo 7 próprias e 55 clínicas franqueadas. A rede tem presença em mais de 10 regiões brasileiras: Rio de Janeiro (RJ), São Luiz (MA), Fortaleza (CE), Lauro Freitas-Salvador (BA), Maringá (PR), Teresina (PI), Manaus (AM) Belo Horizonte (MG), Palmas (TO), Porto Alegre (RS) e além de São Paulo, capital e interior. Mais informações em www.clinicadacidade.com.br

 

 

 

 

CONHEÇA A FRANQUIA IDEAL PARA VOCÊ

  

Encontre a melhor franquia para você