Ramo de salão Infantil: rede Corte Kids completa 10 anos, com modelo de negócio a partir de R$142 mil

Conheça marca pioneira em cuidados infantis que planeja iniciar a expansão na capital paulista

A rede de cabeleireiros infantil Corte Kids começou sua história no bairro da Mooca em 2008, quando Alexandre Finozzi, mais conhecido como tio Alê e Rosana Fernandes, que já atuavam como cabeleireiros em grandes salões da cidade se uniram após perceber uma lacuna no mercado de beleza. O ramo de salão infantil que era pouco explorado e por vezes até rejeitado entre os profissionais de beleza.

Com modelo de negócios a partir de R$142 mil de investimento inicial, as unidades da marca atendem bebês, crianças e adolescentes, ofertando corte, maquiagem, dia de princesa, penteados, unha, festas, entre outros. Todos os produtos utilizados no salão são desenvolvidos para crianças e a empresa já estuda a criação de uma linha de tratamento exclusiva.

Para participar da rede, há dois modelos de negócios disponíveis: Compacta – de 80m² a 100m² e Premium  - de 150m² a 250m². Como perfil de franqueado, os franqueadores exigem que o empreendedor tenha mais de 25 anos, ensino médio completo, além de ser o responsável por administrar o negócio e ter afinidade com a área.

Primeira unidade

O primeiro experimento foi no Bairro do Tatuapé, na Zona Leste, unidade dirigida pela sócia Rosana Fernandes que serviu de teste para a comercialização das franquias. Com isso, clientes e também admiradores da marca passaram a se interessar pelo modelo de negócio e começam a enxergar no Corte Kids uma oportunidade de investimento e expansão.

Dessa forma, foi na cidade de São Caetano do Sul (Grande SP) que clientes do Corte Kids inaugurou sua primeira franquia da rede. O sucesso e a sinergia entre eles foi tanta que meses depois eles optaram por investir em mais uma unidade, tornando-se também o primeiro franqueado a estar presente em um Shopping. O local escolhido foi o Plaza Mooca, na Zona Leste de São Paulo. Com o sucesso dos primeiros experimentos, Alexandre Finozzi e Rosana Fernandes investiram em consultoria, equipe, treinamentos e passaram a ofertar o modelo de negócios para novos interessados. 

Plano de expansão

A meta do Corte Kids é dobrar de tamanho até o fim deste ano. Hoje são sete lojas, sendo duas próprias e cinco franqueadas. Segundo Finozzi, a procura aumentou bastante nos últimos tempos. “Os perfis variam muito, porém, os que mais nos procuram são clientes que vem até o salão e percebem a solidez do negócio”, observa.

O idealizador também é responsável por ministrar treinamentos para os funcionários, que além de técnica, devem ter paciência, carinho e higiene para lidar com os exigentes clientes. “Fazemos questão de gerenciar tudo de perto, para que nada saia do padrão de qualidade Corte Kids. Estamos à frente do negócio o tempo todo, inclusive nas franquias. Nos preocupamos muito com o atendimento e com a imagem que criamos nestes dez anos de empresa”, finaliza Alexandre Finozzi.

Clique aqui e confire mais opções de franquias de Beleza e Saúde

Fonte: Sua Franquia - www.suafranquia.com

Encontre a melhor franquia para você