Notícias / Gurus / As mulheres têm características ideais para ser uma franqueada de sucesso

As mulheres têm características ideais para ser uma franqueada de sucesso

Compartilhe:   

Nas várias pesquisas que tenho realizado sobre o perfil do franqueado ideal, na intenção de identificar características comuns aos franqueados de sucesso, tenho me deparado com situações bastante interessantes. Quais as características que o franqueador sonha que um franqueado ideal deveria ter? Por tudo que já ouvi e vivenciei nas consultorias realizadas são:

Lealdade, perseverança, dedicação, habilidade para lidar com pessoas, otimismo e s de atitudes positivas, enfim, “um sonho” que para muitos franqueadores está longe de se tornar realidade.

Nas minhas observações, fui mais longe e percebi que a Mulher é portadora de todas estas características, pouco exploradas pelo universo dos franqueadores brasileiros, e pior ainda, desconhecidas por elas mesmas. A mulher é uma franqueada em potencial.

O Paradigma de que as mulheres foram feitas para o amor (por seu homem, sua casa, suas crias) e os homens foram feitos para garantir a paz necessária para que isto aconteça, já é fato do passado. Do ponto de vista biológico, isso tem uma influência muito forte nos seres humanos e em todo o reino animal – macho e fêmea se complementam , porém cada ano que passa a mulher vai conquistando o seu espaço no meio empresarial. Exatamente pela sua capacidade de múltipla atuação em qualquer atividade que realiza, características de sua próprias natureza.

Quantas mulheres que se formaram em escolas de primeira linha, de classe média, média alta e alta, e que já atuaram como executivas em grandes empresas, optaram a partir do casamento por criarem seus filhos para depois retornarem ao mercado de trabalho. A dificuldade de se colocarem novamente no mercado é grande, em função da não atualização profissional e tempo de afastamento do mercado. Tal situação não significa a perda da capacidade intelectual e de trabalho. Essas mulheres em sua maioria têm recursos suficiente para abrir um negócio próprio e têm muita capacidade e disposição para o trabalho, basta só um “empurrãozinho”, que pode ser um treinamento, cursos, estágios e outros meios.

As mulheres pelo seu próprio instinto têm garra, vontade de vencer, austeridade, quando precisa, ( é assim com os filhos), sabem amar e educar como ninguém.
A franquia se encaixa perfeitamente como negócios para estas profissionais, pois contarão com o apoio e a orientação do franqueador para suprir as deficiências administrativas e de gestão empresarial, importante no entanto ter afinidade com o negócio, disposição e disponibilidade para ficar frente a operação.

Portanto, acredito que os franqueadores devam explorar mais o potencial feminino nas prospecção de seus parceiros e as mulheres ficarem atentas as oportunidades de negócios franqueados existentes no mercado.

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?