Início / Notícias / Serviços e Outros Negócios / Quais os desafios de ser um empreendedor no mercado da medicina-veterinária?

Quais os desafios de ser um empreendedor no mercado da medicina-veterinária?

O segmento tem crescido no franchising e se destacado

Quais os desafios de ser um empreendedor no mercado da medicina-veterinária?

Compartilhe:   

A profissão de médico-veterinário no Brasil é extremamente prestigiada e vista com bons olhos perante a sociedade. De acordo com um estudo promovido pela Associação Nacional de Médicos Veterinários do Brasil (ANMV), existem cerca de 200 mil médicos-veterinários no país. Dessa forma, o cargo tende a ter novos profissionais com o passar do tempo. Entretanto, alguns desses optam por seguir pelo caminho do empreendedorismo em conjunto com a profissão. Com isso, novos desafios surgem para quem escolhe ter o próprio negócio dentro da área, e eles vão muito além de dar um diagnóstico para um pet.

Um dos principais obstáculos para empreender na medicina veterinária se deve ao grande número de profissionais registrados. Graças a isso, a concorrência no mercado aumenta. E consequentemente, os pacientes e consumidores se tornam ainda mais exigentes. Por conta disso, é importante que um médico-veterinário e empreendedor conheça o setor que está inserido e as necessidades que ele requer para ter bons resultados. 

Em minha experiência como veterinário e fundador da VFP - Hospital Veterinário, aprendi que para ter um negócio próprio dentro desse segmento é necessário reconhecer sua identidade empresarial. Além disso, pergunte-se qual é o tipo de trabalho que você está disposto a oferecer? Como será o seu estabelecimento? Uma clínica, consultório ou hospital? Lembre-se de conhecer o seu público de interesse e planejar estratégias para conseguir alcançá-lo.

Com uma crescente leva de profissionais no mercado, aprimorar as habilidades médicas-veterinárias é uma das formas mais eficazes de fazer com que seu negócio continue em crescimento. Desenvolver skills e se capacitar na área é o que fará com que seu empreendimento seja preferência entre o público, além de aumentar sua experiência e beneficiar sua carreira. Segundo o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), o Brasil possui 536 cursos na área. Dessa forma, especializar-se é um dos primeiros caminhos a seguir para se destacar dentre outras empresas. 

Quando falamos de desafios no setor de empreendedorismo e medicina veterinária, precisamos pensar além do mercado pet. Preencher as lacunas existentes no segmento e desenvolver soluções eficazes para as necessidades principais destaca o seu negócio e o deixa em evidência. Lembre-se de atender as dores de seus pacientes e clientes. 

Por fim, os obstáculos para se tornar empreendedor e continuar atuando como médico veterinário só podem ser derrubados com soluções criativas. Saiba aproveitar as oportunidades de se diferenciar no mercado, invista em sua própria capacitação junto com a sua equipe, fique por dentro de novas tecnologias e esteja aberto a procurar, junto a seus clientes e pacientes, novas formas de melhorar o seu próprio negócio! 

 

*Por João Marcos Rios, fundador da VFP - Hospital Veterinário. 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?