Notícias / Saúde, Beleza e Bem-Estar / Produtos para meninos e quiosques: veja os planos da Estrela Beauty para chegar a 250 lojas

Produtos para meninos e quiosques: veja os planos da Estrela Beauty para chegar a 250 lojas

Em entrevista a plataforma Sua Franquia, o CEO Carlos Antonio Tilkian detalhou a história e os planos da marca de play makeup

Compartilhe:   

Produtos para meninos, experiências diferenciadas na loja e a expansão da rede franqueada também com quiosques são as estratégias da Estrela Beauty, para atingir a meta de ter mais de 250 unidades da marca em operação no Brasil. 
A marca, fundada em 2016, estreou no varejo com lojas próprias em 2018 para depois evoluir sua presença com o apoio de franquias, foi milimetricamente pensada e estruturada para não ser uma marca e loja de maquiagem e sim um convite ao brincar com as cores. 

Participe da comunidade da plataforma Sua Franquia no WhatsApp 

E para uma marca que tradicionalmente tinha a indústria como base de todos os seus negócios — afinal é uma marca pertencente ao Grupo Brinquedos Estrelas, a maior produtora de bonecas e responsável pela chegada da Barbie aqui no Brasil anos atrás —, entrar para varejo, além de desafiador, tem sido enriquecedor.

Mas, o caminho percorrido foi longo, conforme explicou o CEO da Estrela, Carlos Antonio Tilkian em entrevista a plataforma Sua Franquia.” Identificamos a necessidade de estarmos mais próximos do nosso público, o infanto-juvenil, e entre as iniciativas, em 2016, percebemos a ausência de cosméticos para esse público e começamos a pesquisar mais sobre esse mercado e como poderíamos explorar”, disse Tilkian.

O executivo explicou que foi um trabalho baseado em pesquisas para que a aceitação do público, dos pais principalmente, fosse positiva. “Foi um trabalho extenso de pesquisa com pais, educadores e psicólogos, que, inclusive, foi muito bem aceito”, enfatizou Tilkian. 

A segunda grande decisão foi em relação ao nome: carregar ou não o nome Estrela nessa linha. E, claro que, a tradição de uma marca de quase 90 anos se fez mais forte e nasceu a Estrela Beauty.  Diferente do que alguns pensam, a intenção da Estrela ao investir no mercado de cosméticos era fazer com que essas meninas pudessem brincar com a maquiagem, sem vê-la como algo associado à sua imagem ou definição de padrão de beleza. 

“Não queríamos que essa linha fosse um convite a vaidade precoce.  Nós queríamos colocar a nossa linha como um play makeup, para que as meninas pudessem brincar com as cores, desconstruindo qualquer padrão de beleza e conscientizar essas meninas que eles podem ser quem elas quiserem ser”. 

Inclusive, tal posicionamento faz parte do Manifesto da Estrela Beauty, “Quem você vai ser hoje? Princesa ou guerreira? Seja quem você quiser”. 

Entrada no varejo 

Passaram-se dois anos entre a ideia, execução, registros e certificados junto a Anvisa, desenvolvimento de conceito e business plan até a estreia oficial no varejo. “A primeira loja, sendo ela própria, foi inaugurada em São Paulo, no Morumbi Shopping. O sucesso fez a Multiplan nos oferecer um segundo ponto, esse no Shopping Anália Franco”, explicou Tilkian.
Mais do que vender maquiagens e acessórios, isso é uma consequência, a Estrela Beauty é uma marca de experiência. Logo, a loja foi pensada como um local lúdico, em que a criança pudesse brincar com os produtos, experimentar, explorar e claro, se divertir. 

E como já mencionado, o varejo era uma novidade a marca que precisou entender e aprender como funciona a dinâmica do varejo. “Foi um grande aprendizado. Testamos coleções, lançamos produtos que não tiveram a adesão esperada como as capinhas para celular, identificamos a necessidade de produtos para meninos.... Inclusive, recebemos dicas como: não manter a fachada sempre igual, para o consumidor entender que a loja tem sempre novidade e por aí vai”, afirmou o executivo. 

CEO da Estrela, Carlos Antonio Tilkian

CEO da Estrela, Carlos Antonio Tilkian 

Inclusive, a inserção maior de linhas para os meninos foi um grande aprendizado da indústria ao chegar ao varejo. A Estrela Beauty lançou maquiagem artística, shampoo e shampoo slimes e mais recentemente um perfume para os meninos. A expectativa é, em breve, ter um corner dentro das lojas específicos para esse público. 
A opinião dos consumidores, com sugestões e pedidos, colabora com o desenvolvimento das linhas, assim como o calendário tradicional da indústria cosmética, com linhas inspiradas nas estações do ano e afins. 

 

Perfume Masculino Estrela Beauty

Perfume Masculino Estrela Beauty, novidade da rede!

A chegada ao franchising 

Seis meses de formatação, reformulação da loja do Morumbi, ajustes importantes implementados, pontos pensados e negociação feita juntos aos shopping centers, dois quiosques abertos e São Paulo —um no Shopping Pátio Higienópolis e outro no Shopping VillaLobos — foi dada a largada para expansão. 

Quer abrir uma franquia Estrela Beauty? 

Franquia Estrela Beauty

E diferente do que algumas redes de franquias costumam fazer, a Estrela Beauty optou por ter só lojas próprias em São Paulo, sendo um grande laboratório da marca. “Toda nossa equipe está aqui. Fez muito mais sentido testar os formatos, tamanhos de loja, produtos a vendas usando lojas próprias para isso”, enfatizou o CEO da Estrela Beauty. 

Hoje a rede soma 10 unidades Estrela Beauty em operação, sendo sete próprias e 3 franqueadas. Fortaleza foi a primeira região a receber uma franquia Estrela Beauty. “Abrimos a unidade e deixamos a critério do franqueado se ele vai expandir em outros locais e em outro formato”, concluiu o executivo. 

Por

Flávia Milhassi Denone

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?