Notícias / Negócios e Serviços / Franquia Tributária chega ao mercado em agosto

Franquia Tributária chega ao mercado em agosto

Modelo de negócio é uma das apostas da Sociedade São Paulo de Investimentos, fundadora da Franquia de Precatórios

Compartilhe:   

Franquia Tributária chega ao mercado em agosto: Modelo de negócio é uma das apostas da Sociedade São Paulo de Investimentos, fundadora da Franquia de Precatórios


A Sociedade São Paulo de Investimentos, uma das maiores empresas especializadas em compra e venda de precatórios federais alimentares do país, lançou em agosto a Franquia Tributária. Se trata de um novo modelo de negócio da Franquia de Precatórios e foi criado para ampliar a comercialização destes títulos e trabalhar também a venda deles para empresas. 

O negócio se baseia na venda de precatórios para organizações que pretendem reduzir a carga tributária e o grau de endividamento. O foco é oferecer soluções viáveis para quitação de dívidas originadas de tributos mediante a utilização destes títulos.

“A compensação tributária com precatórios voltou a ser expressamente legalizada em dezembro de 2016. Este é um mercado milionário e quem tem muito a ser explorado”, comenta Cristiano Maciel, advogado especialista em precatórios e responsável pela área jurídica da Franquia Tributária.

Na prática, o franqueado procura empresas interessadas no serviço e a franqueadora cuida de toda a parte burocrática como o levantamento tributário da empresa, e também disponibiliza o precatório para cessão. Adicionalmente a franqueadora pode até prestar o serviço jurídico para o cliente. O franqueado fica com 5% do valor líquido negociado sobre o título.

O novo modelo foi desenvolvido para complementar os serviços oferecidos pela Franquia de Precatórios, responsável por captar estes títulos. O negócio consiste em encontrar o detentor original e negociar a compra.

“Com a Franquia de Precatórios, em pouco mais de um ano, criamos uma rede com mais de 70 unidades. Com esse novo modelo de negócio a ideia é ampliar ainda mais esta rede. Nossa missão é a de desmistificar a livre comercialização destes títulos”, comenta Pedro Corino, fundador da Sociedade São Paulo de investimentos e sócio proprietário da rede.

O investimento inicial para entrar no negócio é de menos de R$10 mil, sendo R$8.990,00 de taxa de franquia. A aposta da rede é chegar a 50 unidades no modelo Franquia Tributária até o final 2018.

 

Ficha técnica

Capital Inicial: R$9.990,00

Capital de giro: R$1.000,00

Taxa de franquia: R$8.990,00

Tipo de negócio: Venda de soluções tributárias visando aumento do fluxo de caixa da empresa

Ano de fundação: 2015

Ana de fundação no franchising: 2017

Número de unidades próprias:1

Número de unidades totais (em operação + contratos fechado): 10

Royalties fixos: R$197,00 mensais

Royalties variáveis: 35% do faturamento

Taxa de publicidade: isento

Faturamento médio da unidade: R$20.000,00

Rentabilidade média da unidade: 25%

Prazo médio para retorno: 6 meses

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?