Notícias / Negócios e Serviços / protect busca franqueados para chegar à marca de 80 unidades até o final do ano

protect busca franqueados para chegar à marca de 80 unidades até o final do ano

Especializada em soluções de seguro para MPMEs, microfranquia pode ser operada home office com investimento total de R$ 36 mil, inclusa a taxa de franquia de R$ 16 mil

Compartilhe:   

protect busca franqueados para chegar à marca de 80 unidades até o final do ano: Especializada em soluções de seguro para MPMEs, microfranquia pode ser operada home office com investimento total de R$ 36 mil, inclusa a taxa de franquia de R$ 16 mil


Os pólos industriais calçadistas estão na mira da protect, microfranquia home based especializada em seguros e outras soluções administrativas para MPMEs, para que a marca chegue às 80 unidades franqueadas até o final de 2017.
 
A rede de franquias, que nasceu com o apoio da American Life, tradicional seguradora brasileira, busca franqueados em cidades como Campina Grande (PB), Horizonte e Juazeiro do Norte (CE), Goiânia (GO), Nova Serrana (MG), Franca, Jaú e Birigui (SP), Vale do Rio Tijucas (SC), Vale do Rio dos Sinos (RS), além das capitais desses estados e outras localidades.
 
Na avaliação de Richard Freitas, sócio-diretor da protect, empresas do setor calçadista merecem atenção especial no que diz respeito a soluções em seguros. “Boa parte das empresas do segmento ainda está em fase de crescimento. Algumas já maturaram e entendem os seguros como parte importante do negócio. Outras, no entanto, ainda não contam com esse tipo de solução e ficam desprotegidas por falta de um bom atendimento e informações completas sobre as vantagens que os seguros podem trazer com investimentos bem menores do que imaginam. É o que queremos levar a eles por meio de franqueados nessas regiões”, explica.

- Leia também: MICROFRANQUIA HOME BASED ESTREIA NA FEIRA DO EMPREENDEDOR PARA SEDIMENTAR A MARCA E GERAR NOVOS NEGÓCIOS
 
De acordo com o executivo, para se tornar franqueado da protect, o investimento total é de R$ 36 mil, com taxa de franquia de R$ 16 mil já inclusa, retorno do investimento previsto para o período de 12 a 18 meses e faturamento mensal de R$ 8 mil já ao final do primeiro ano de atividades. É importante que o franqueado goste de se relacionar com outras pessoas e, principalmente, preze pela realização de um bom atendimento. Todos terão à disposição ferramentas de Ensino à Distância (EAD) para ampliar conhecimentos, com dicas de empreendedorismo e negócios, além de treinamento detalhado para que o franqueado se torne um especialista na área e possa desenvolver uma boa argumentação de vendas. Além disso, receberão auxílio para desenhar toda a estratégia de trabalho, traçar perfis de potenciais clientes e definir a melhor abordagem de vendas; suporte técnico e operacional para desenvolvimento de propostas, esclarecimento de dúvidas e consulta de preços; softwares de gestão e multicálculo para realização de cotações em apenas 5 minutos; além de supervisão da rede para auxiliar na busca contínua de qualidade nos processos e no atendimento aos clientes. A operação da franquia é totalmente online, o que facilita tanto a retirada de dúvidas quanto o atendimento e geração de orçamentos aos clientes.
 
As soluções prometem revolucionar o segmento com valores ajustáveis para atender diferentes empresas e necessidades. Destaque para seguros em todos os ramos (seguros de vida, residencial, empresarial, fiança locatícia, auto, previdência privada, etc), benefícios (plano/seguro saúde, plano odontológico, saúde ocupacional, vale alimentação, vale refeição), ferramentas de financiamento (consórcios, financiamento de auto, crédito consignado, cartão de crédito), telefonia celular, alarme e monitoramento, entre outras soluções em contínua evolução e descoberta.
 
“Vale ressaltar que optamos pela expansão por meio do franchising, pois entendemos que somente um empreendedor poderia compreender e atender aos donos de micro e pequenas empresas em suas necessidades. Há um vasto mercado a ser trabalhado e as oportunidades são inúmeras. Se avaliarmos que existem mais de 9 milhões de micro e pequenas e outros 6,5 milhões de MEIs (microempreendedores individuais) no Brasil e que juntos elas são responsáveis por mais de 27% do PIB do país podemos chegar tranquilamente a essa conclusão. Quem se juntar a nós provavelmente vai largar na frente”, avalia Richard Freitas, sócio-diretor da protect.

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?