Início / Notícias / Negócio Próprio / Conheça 10 razões para a sua empresa se comprometer com ESG

Conheça 10 razões para a sua empresa se comprometer com ESG

Tema tem estado em evidência, porém avança de forma tímida pelo País. Confira algumas razões para adoção de boas práticas

Compartilhe:   

A importância das práticas sustentáveis e responsáveis no mundo dos negócios está cada vez mais evidente. Comprometer-se com critérios ambientais, sociais e de governança (ESG) não só demonstra responsabilidade social, como também pode impulsionar o sucesso financeiro a longo prazo.

“O ESG é uma evolução da sustentabilidade. Desdobrando a sigla, entendo que cada dimensão pode ser acompanhada de mais uma palavra: cuidado ambiental, responsabilidade social e ética nos negócios (governança corporativa)”, explica Pedro Coube, especialista em melhores práticas produtivas e trainer da Interhunter Academy.

Segundo ele, uma empresa que se compromete com a estratégia ESG deve ser ética, transparente e preocupada com o bem-estar de seus colaboradores. Além disso, tem uma genuína intenção de mitigar os danos causados ao meio ambiente e buscará fontes limpas de energia.

Por que se comprometer com esses aspectos?

Coube menciona a Pesquisa Accenture, que ouviu 1.000 CEOs de 22 setores em 99 países sobre sustentabilidade: 71% acreditam que, em 5 anos, a sustentabilidade resultará em valorização da marca; 57% não têm dúvida que desdobrará em crescimento da receita; 52% enxergam maior impacto na mitigação de risco e 51% esperam redução de custo de operação.

Este movimento é apoiado pelas novas gerações de consumidores, que estão cada vez mais exigentes quanto à sustentabilidade. “O ESG representa ganho de competitividade e credibilidade com todos os públicos”, ressalta.

O especialista lista 10 razões para se comprometer com ESG:
 
1) É uma forma de qualificar a empresa por outros parâmetros que não o seu desempenho financeiro;

2) Geração de valor por meio do controle dos riscos de externalidades ambientais, sociais e de governança;

3) O ESG se distingue da simples noção de Sustentabilidade pela amplitude, o rigor e o impacto;

4) As empresas atrativas ao investimento são as que usam os recursos naturais de maneira equilibrada, que promovem os direitos humanos na cadeia de valor e impedem a corrupção;

5) Ser sustentável é a nova exigência nos negócios;

6) O propósito deve vir antes do lucro;

7) As pessoas esperam se relacionar com organizações que demonstrem cuidado, escuta afetiva, respeito às diferenças e preocupação genuína com o seu bem-estar;

8) É necessário investir em tecnologias disruptivas e em modelos de negócios que gerem impacto positivo para o meio ambiente e para as comunidades;

9) As empresas e os empreendedores precisarão adotar energias renováveis, promover a energia circular, preservar as florestas, regenerar ambientes degradados e respeitar a diversidade;

10) Os novos líderes serão mais empáticos, cuidadores e inclusivos e é o que se espera no ESG.

Veja 3 passos para começar a praticar em sua empresa:
 
1.   Conscientize a alta gestão e todos os que ainda não se convenceram da importância do ESG;
 
2.   Faça uma avaliação profunda e rigorosa de quais compromissos a organização possui nas dimensões ambiental, social e governança;
 
3.   Inicie um plano de ação e preencha os “gaps” constatados.

Fonte

Divulgação 
 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?