Início / Notícias / Negócio Próprio / Fazer a diferença no mundo é a principal motivação dos empreendedores brasileiros

Fazer a diferença no mundo é a principal motivação dos empreendedores brasileiros

Líder do ranking da Pesquisa GEM, o empreendedorismo movido por um propósito de transformação superou a razão “Ganhar a vida porque os empregos são escassos”

Compartilhe:   

O brasileiro mudou a sua principal motivação para empreender. Segundo a pesquisa Monitor Global de Empreendedorismo (Global Entrepreneurship Monitor – GEM 2023), realizada pelo Sebrae em parceria com a Associação Nacional de Estudos e Pesquisas em Empreendedorismo (Anegepe), “Fazer a diferença no mundo” alcançou pela primeira vez a melhor colocação na série histórica do levantamento, superando a opção “Ganhar a vida porque os empregos são escassos”.

Essa mudança aponta uma melhora geral na situação econômica do país e uma evolução da atividade empreendedora. Em 2022, “ganhar a vida porque os empregos eram escassos” era a principal motivação dos brasileiros (82%). Já no ano passado, a ideia de “Fazer a diferença” ocupou a liderança sendo citada por 77% dos empreendedores.

Para o presidente do Sebrae, Décio Lima, o crescimento do empreendedorismo motivado por um propósito de transformação pessoal e social, na mesma medida do recuo da decisão de abrir um negócio por força da necessidade, confirmam o que diversos indicadores já apontavam: a melhora da economia brasileira.

"A pesquisa revela uma nova realidade importante para o país. Historicamente, os empreendedores que abrem um negócio a partir de um propósito são mais qualificados, planejam-se e se preparam melhor antes de criar a empresa e terminam tendo uma atividade mais longeva quando comparada àqueles que iniciam na atividade para buscar uma complementação na renda." Décio Lima, presidente nacional do Sebrae.

Ao tomar a dianteira do ranking da pesquisa, a motivação “Fazer a diferença no mundo” se soma a outro resultado importante apontado pela GEM: “Ter o próprio negócio” é um dos três principais sonhos do brasileiro, perdendo apenas para “Viajar pelo Brasil” e “Comprar a casa própria”. Esse desejo também deixou para trás outros 12 sonhos, como viajar para o exterior, fazer uma carreira em uma empresa ou no serviço público, entre outros.

Confira números da pesquisa:

A motivação “Ganhar a vida porque os empregos são escassos” passou da principal escolha para 82% dos entrevistados, em 2022, quando ocupava a liderança, para a segunda mais citada, com 74% em 2023. Empreender para “Fazer a diferença no mundo” era a principal motivação para pouco mais de 51% dos entrevistados em 2019. No ano passado, essa proporção saltou para a primeira colocação com 77%.

Fonte

Agência Sebrae 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?