Notícias / Marketing / Veja 5 estratégias que a série Emily em Paris ensina para quem atua com marketing de moda

Veja 5 estratégias que a série Emily em Paris ensina para quem atua com marketing de moda

Dicas de como agregar valor aos produtos e "sair da caixa" impulsionam as vendas nas redes sociais

Compartilhe:   

A terceira temporada de Emily em Paris promete continuar entregando produções de cair o queixo e insights que inspiram profissionais de diversas áreas. Para quem trabalha vendendo moda, a série, que respira o universo fashion, traz estratégias que, quando bem aplicadas, impulsionam os resultados. “Com inovação e criatividade, a Emily encontra soluções diferenciadas que engajam os mais diversos tipos de produtos. É isso que eu busco transmitir no curso Provador Fashion. Para quem vende roupa e utiliza as redes sociais para divulgar os seus produtos, precisa ir além de comentários como “eu estou apaixonada por essa blusa”, “eu estou sem palavras para esse lookinho”. São descrições superficiais que não agregam o valor que a peça realmente representa”, explica Joy Alano, empreendedora de moda.


Se você já viu Emily em Paris, com certeza ficou impressionado (a) com a expertise da protagonista. Trazer a ficção para a realidade é mais fácil do que você imagina.

Confira as dicas da especialista Joy Alano:

1. Saiba agregar valor:

É fato que a Emily não agradou logo de cara os seus colegas da Savoir. Por isso, recebia as contas mais difíceis para criar conteúdo. Se ela engajou um produto para mulheres na menopausa, você consegue fazer as suas peças brilharem. Saiba agregar valor. Por exemplo: se você vai gravar um provador para uma marca, podendo ser sua ou não, fuja de palavras como “blusinha super confortável”. Ao invés disso, busque vender uma blusa com bom caimento, que favorece vários tipos de corpos, além de encaixar das produções mais básicas às mais elaboradoras. Não esqueça de comentar sobre o tecido e aproveite a estação. Se for Verão, reforce que o material é leve, não transpira e nem pesa na pele.


2. Tenha proximidade com o seu público:

Enquanto a Emily se envolvia nos perrengues mais engraçados para conhecer de perto os seus clientes, você pode utilizar as redes sociais para fazer essa ponte. Pode ser clichê, mas o cliente é a alma do negócio e precisa ser ouvido. Que tal seguir um calendário de lives ao vivo? Interaja com o seu público, responda as dúvidas na hora, saiba o que eles esperam dos seus produtos e aproveite o momento para mostrar que você tem propriedade sobre o que está vendendo. No intervalo das lives, inclua nesse calendário caixa de perguntas e responda os comentários.


3. Colecione vivências e pense “fora da caixa”:

Em uma exposição dedicada ao pintor Vincent Van Gogh, Emily teve o insight de divulgar um colchão colocando o produto em um ponto turístico de Paris. A ideia foi promover a experiência de deitar sob as estrelas. O resultado deu tão certo que chamou a atenção, inclusive, de celebridades. Parece algo muito grandioso, mas o que podemos levar de lição é como nossas vivências podem ajudar a pensar “fora da caixa”. Escolha um caminho diferente para o seu trabalho, tome um café fora de casa, programe um passeio diferente no final de semana. São mudanças na rotina que vão te tirar da sua “caixa” e podem render ideias inovadoras no seu negócio.


4. Seguidores não definem sucesso:

Com tantos influenciadores e o crescimento desenfreado das redes sociais, é comum se prender ao número de seguidores. No episódio em que a Emily é convidada para uma ação com influenciadores, ela é a criadora de conteúdo com menos seguidores no evento. Entretanto, a sua criatividade e a maneira como apresenta o produto da marca, repercute e garante resultados mais eficazes que todas as outras convidadas. Esqueça de uma vez por todas a ideia de que precisa de seguidores para conseguir vender. Comece a valorizar o engajamento. Os passos para uma página bem engajada é conquistar o segmento certo, criar conteúdo de qualidade e inovador.


5. Aproveite as oportunidades para engajar:

se você vende moda é importante estar de olho no que acontece neste universo. As semanas de moda, por exemplo, sempre ganham destaque nos principais portais e nas redes sociais. Aproveite o evento para engajar os seus produtos. Está vendendo uma peça que chamou atenção nos desfiles? Essa é a hora de mostrar para os seus clientes. Também fique de olho nos assuntos mais comentados das redes sociais. Lançou uma série que está em alta? Procure peças que se assemelham ao estilo dos personagens principais e apresente. Além de impulsionar suas vendas, também chamará atenção de novos clientes para a sua página.

Fonte:

Divulgação

 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?