Depois de fechar 2017 com leve alta, franquias do segmento de Livrarias e Papelarias buscam crescimento e expansão

Nas livrarias foi onde ocorreu a maior recuperação com 6,5% de crescimento em faturamento no ano conforme dados da Associação Nacional de Livrarias – ANL

Inserido no setor Entretenimento e Lazer, o segmento de Livrarias e Papelarias acompanha o ritmo discreto de crescimento que ao todo, no setor, evoluiu somente 3,7% em faturamento em 2017 movimentando R$2,167 bilhões conforme dados da Associação Brasileira de Franchising. Entretanto, 2018 indica números melhores.

De acordo com a Associação Nacional de Livrarias – ANL, o 2017 terminou com uma recuperação do mercado de livros, apresentando crescimento em valor comparado com o ano anterior de 1,5%. Nas livrarias foi onde ocorreu a maior recuperação com 6,5% de crescimento em faturamento no ano. Conforme a ANL, o percentual de descontos concedidos ao consumidor final se manteve estável no ano quando comparado com 2016 na casa dos 17,4% e as categorias em destaque foram as HQ, Autoajuda e Literatura Brasileira.

Uma tendência dentro das livrarias é aproveitar as oportunidades de nichos correlatos ao negócio, apostando em espaços que reúnem cafés, papelarias, vendas de CD's, DVD's, eletrônicos, presentes, entre outros produtos. O nicho de produtos de cultura pop voltados para o chamado público "nerd" tem feito bastante sucesso também nos últimos anos e tem gerado bons resultados para incrementar o faturamento e conquistar clientes.

O franqueado que quer investir no segmento tem que estar ciente de que deve manter-se atualizado com o mercado e lançamentos sem deixar de estar atento às características de consumo da cidade onde vai instalar a unidade. Conhecer o público que pretende atender é essencial.

Uma das redes disponíveis no mercado e em expansão é a Nobel. Há muito tempo a franquia deixou de ser uma simples livraria. Além de livros, oferece produtos de diversos segmentos incluindo papelaria. As lojas são amplas e oferecem locais que proporcionam ao cliente um mundo de conhecimento. O investimento inicial não é baixo e para se ter uma unidade da rede o franqueado investe inicialmente a partir de R$399 mil prevendo um faturamento médio mensal de R$80 mil e prazo de retorno de 36 meses.

Já a franquia 100% Cristão é uma rede de livrarias evangélicas. Trabalham no nicho e oferecem de livros e Bíblias a produtos como CDs, DVDs e material para Igrejas, entre outros. Franquia desde 2011, a rede conta com a Editora 100% Cristão, uma empresa com foco na publicação de histórias em quadrinhos que contam as maiores histórias da Bíblia. Para se abrir uma unidade da rede o investimento inicial é de a partir de R$ 190 mil com um faturamento médio mensal de R$ 45 mil e retorno estimado em 30 meses após a abertura da unidade.

Fonte: SuaFranquia - www.suafranquia.com

Encontre a melhor franquia para você