Qual a melhor forma para escolher o ponto comercial? Afinal é um divisor de águas em seu projeto de empreendedorismo

Não há dúvidas de que a escolha do ponto comercial perfeito é um dos fatores mais relevantes dentro do varejo, afinal, ter uma marca forte contigo e ser um empreendedor realizador, mas não estar no local certo, na melhor das hipóteses, fará com que o seu negócio não alcance o resultado que poderia, caso estivesse no ponto adequado. E, na pior e provável das hipóteses, levará seu negócio ao insucesso!

 

E como compreender e localizar o melhor ponto comercial para seu empreendimento? O primeiro passo, se você estiver atrelado a uma franqueadora, é aproveitar a experiência dela. Aliás, possivelmente, esse é um dos motivos que fez você tomar a decisão de buscar uma franquia, então observe as orientações de acordo com o segmento escolhido, o formato de negócio alinhado com a região que você está e ao encontro das orientações recebidas pela franqueadora que você escolheu, tais como: metragem adequada, tamanho mínimo da fachada, referências de concorrência e negócios que gerem sinergia, fluxo de pedestres ou de veículos, necessidade ou não de estacionamento, influência de lojas âncora, custo médio de ocupação, etc.

 

A partir disso, aí é mão na massa ou hora de gastar sola de sapato. Isso mesmo, coloque um calçado confortável e sua disposição para ir a campo fazer a pesquisa e prospecção de ponto. Outra dica importante: na maioria das vezes o ponto bom, não estará com placa de “aluga-se”. Pense só, quantas vezes você passou em frente a um local e viu que ali estava se instalando outra loja sem sequer saber que a anterior estava saindo? Então, esse é mais um motivo para pessoalmente (essa é uma tarefa que não se delega) ir a campo, conversar com donos de loja, perguntar sobre alguém que está passando o ponto. O contato e o relacionamento são extremamente importantes para o bom desenvolvimento do negócio, desde a pesquisa do ponto.

 

Ah, pode parecer caricato, até folclórico, mas em cidades menores, sempre haverá o dono da banca de jornais ou o “senhor que fica na praça”, que sabe de muita coisa. Experimente conversar com essa pessoa. Muitas informações particulares, porém necessárias para a abertura de um novo negócio, não vão ser encontradas na internet ou por pessoas que simplesmente querem vender um imóvel.

 

E, antes de finalizar, vale lembrar: quem quer, faz; quem não quer, sempre arruma uma desculpa. Ponto comercial tem quem consegue e tem quem desiste de procurar, ou seja, mais hora menos hora, se você for perseverante, vai acontecer. Na área que você está procurando, talvez você precise ir uma, duas, três ou mais vezes, afinal, o local que não está disponível hoje, pode estar disponível amanhã, mas se você não estiver lá amanhã, alguém estará!

 

Bons negócios e sucesso!!

Arlan Roque, Gerente de Expansão da Cacau Show.

Encontre a melhor franquia para você

-->