Início / Notícias / Franquia / Artigo: As dores e delícias de um multifranqueado

Artigo: As dores e delícias de um multifranqueado

Ter mais de um negócio exige do empreendedor muita organização, sabedoria e tempo

Artigo: As dores e delícias de um multifranqueado

Compartilhe:   

Quando um empreendedor se identifica com uma marca ou um segmento e passa a ter sucesso com o seu negócio, é quase que natural que surja o desejo de abrir outras unidades para ampliar os ganhos. É assim que nascem os multifranqueados, empresários que estão tão alinhados com a marca que não se contentam com apenas uma, mas desejam ter duas, três ou quatro novas unidades. Então, sim, os multifranqueados indicam que uma marca está bem no mercado.

Multifranqueados são empreendedores que descobriram o caminho do sucesso de uma franquia e passaram a replicar esse formato com o intuito de potencializar os ganhos.

Segundo uma pesquisa da Associação Brasileira de Franchising (ABF), de 2021, cerca de 30% das unidades das marcas consultadas são administradas por multifranqueados. Essa expansão, segundo o CEO da SB Franquias, Fernando Ribeiro, só é possível quando se domina os processos, além de contar com uma equipe forte, um ótimo diálogo com a franqueadora e uma ampla visão do mercado.

lém disso, esse tipo de gestor é um grande exemplo para os demais franqueados e colaboradores. “Eles geram ótimos resultados dentro da franqueadora e contribuem automaticamente para a expansão da marca, pois outros candidatos se espelham nesse multifranqueado. Ou seja, ele acaba se tornando um multiplicador de novos entrantes para a rede”, esclarece Fernando.

Porém, assim como em todas as formas de investimento, existem cuidados, prós e contras que devem ser observados? É sobre isso que vamos falar nesse artigo.
  

Tipos de multifranqueados 

Para ser um multifranqueado não precisa adquirir unidades de uma mesma marca, necessariamente. Existem multifranqueados de mais de uma rede e muitas vezes até do mesmo segmento.  Isso porque eles geralmente trabalham com produtos finais que não concorrem entre si. Por exemplo:  um empreendedor tem no mesmo shopping e praça de alimentação uma franquia de grelhados, outra de sanduíches e outra de pizza. Desse modo, ele consegue ter um variado público para cada produto de suas marcas e unidades franqueadas, mas, ao mesmo tempo, essas unidades estarão sempre buscando esses mesmos clientes diariamente para faturarem cada vez mais. Cada uma utilizando as ferramentas de marketing e operação que as franqueadoras adotam e direcionam dentro dos seus padrões e processos estabelecidos.
 

Suporte por parte da franqueadora 

Um dos maiores benefícios da opção de estar presente em várias franquias é conseguir dar um salto de escala no negócio. Para tanto, é preciso buscar empresas que possuem um plano de expansão alinhado com o seu. A franqueadora precisa estar pronta para oferecer mais unidades e ter um planejamento de crescer em número de lojas ao longo de um determinado período. Ou seja, procure uma rede que lhe ofereça a chance de ser um investidor de múltiplas lojas.
Cada franqueadora adota critérios próprios para ter multifranqueados.

Contudo, dentre esses critérios destacam-se a delimitação de território de atuação e a possibilidade de abertura de um determinado número de lojas em um certo período de tempo. Já outras não permitem a criação de unidades do mesmo segmento, mesmo que elas trabalhem com produtos finais distintos. Por fim, também há aquelas que limitam o número de unidades que o franqueado pode ter.

Mas existe um ponto de atenção muito importante: mais poderes trazem mais responsabilidades.  Se a opção for escalar dentro da mesma marca, fica mais fácil. Afinal, as regras, processos e gestores, são os mesmos. Agora, se a ideia for escalonar em segmentos diferentes, isso exige muito controle na gestão e atenção ao que é permitido, já que cada franquia tem as suas normas, exigindo muitas vezes a criação de áreas de recursos humanos e de gestão financeira, por exemplo.

 
O peso do exemplo dentro de uma rede

Quanto mais lojas o franqueado abre, mas ele se adequa aos padrões da franquia. A própria franqueadora passa a usar o seu exemplo para outros empreendedores. É o famoso efeito espelho.
Isso, com certeza, também ajuda nas negociações com os fornecedores.
 

Aprendendo com os erros 

Um multifranqueado, como todo profissional, certamente errou ao longo dos primeiros negócios. Essa falha trouxe reflexões, aprendizados e a maior segurança na hora de traçar um novo caminho. Com mais de uma franquia, o empreendedor adotará estratégias muito mais robustas e assertivas, que farão o negócio decolar mais facilmente e de forma mais rápida.

 
Dicas para se tornar multifranqueado


1 – Buscar padrões de excelência na operação de sua franquia
2 - Ter processos de gestão eficientes e capacidade administrativa
3 – Estudar o potencial de mercado e as oportunidades de crescimento na sua região e em áreas próximas.
4- Estar em dia com as obrigações contratuais
5 - Identificar na equipe da franquia talentos e perfis que possam apoiar na abertura de novas unidades
 
Boa sorte!!!

*Por Fernando Ribeiro, CEO da SB Franquias.

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?