Gracom avança no Sudeste e espera crescer 30% em 2018

Enviado em 20, Abr, 2018 às 10:29:00

Gracom avança no Sudeste e espera crescer 30% em 2018

Gracom avança no Sudeste e espera crescer 30% em 2018: Com a expansão, rede fundada em 2008 na Bahia prevê atingir a marca de 20 mil alunos em todo o País


A rede de escolas de efeitos visuais Gracom está mirando sua expansão pelo Sudeste ao longo deste ano. A marca projeta um crescimento de 50%, com a abertura de ao menos 12 novas unidades e espera atingir um total de 20 mil alunos em todo o Brasil. O faturamento previsto para 2017 é de R$ 26 milhões, com um crescimento de 30% em comparação a 2016, quando faturou R$ 20 milhões. Em 2018, a rede espera crescer 30% em relação ao ano passado.

São sete modalidades de curso: Open CG, Gamer DV, Gamer Art, SET 3D, Cine TV, Sculpture Tradicional e Gracom Kids, que formam profissionais para atender às necessidades de áreas que são tendência no mercado, como Games e 3D. O Gracom Kids, que inclui programação e robótica, é voltado para crianças a partir de sete anos e pode ser concluído até os 12 anos.

A rede foi criada por Diego Monteiro em Feira de Santana (BA) em 2008. A ideia de criar sua própria escola de computação surgiu enquanto trabalhava durante um evento para fãs de animes. “Percebi que era uma área com muito público, mas com pouca gente que soubesse produzir. A escola em que eu trabalhava ensinava só o pacote Office, como a maioria na época”, lembra. “Eu tinha poucos recursos, então resolvi começar numa região mais barata. Hoje vejo que mudamos a mão de obra desse setor e ajudamos a expandir a tecnologia pelo país”, conta o fundador. A Gracom conta hoje com uma rede de 21 unidades – sete delas próprias e 14 franquias, atendendo atualmente 16 mil alunos.

O investimento inicial para ter uma franquia da marca está entre R$ 320 mil a R$ 400 mil e o faturamento médio é de R$ 150 mil mensais. O grupo Gracom também oferece outras duas redes: a Imugi, de cursos de idiomas e robótica, e a Tiamate, rede de cafeterias, cujos investimentos iniciais estão na cada de R$ 150 mil (dos quais R$ 20 mil são sobre os direitos da franquia e R$ 130 mil para investimentos em obras).

Grupo Gracom Franchising

Com 10 anos de mercado, o Grupo Gracom foi criado para abrigar as marcas, detectar novas oportunidades e oferecer projetos já testado e aprovado aos franqueados.

O Grupo tem em seu portfólios as marcas Gracom Scholl, Imugi educação e Tiamate Coffee, com investimento a partir de 100 mil.

A Gracom desde 2014 é associado ABF, faz parte do scale-up Endeavor e sendo o maior centro autorizado Adobe do Brasil.

Clique aqui e saiba como abrir uma franquia Gracom

Compartilhar: