Início / Notícias / Casa e Construção / Sorocaba está na mira das franquias

Sorocaba está na mira das franquias

Marcas como Fisk e RE/MAX ampliam suas redes na região do interior paulista

Sorocaba está na mira das franquias

Compartilhe:   

Sorocaba e alguns municípios da região viraram alvos de organizações que trabalham com franchising (sistema de franquias). O bom momento da economia local decorrente da vinda de novas indústrias justifica essa tendência. Um fato curioso é que a expansão do setor ocorre em diversos ramos de atividade como o de prestação de serviços, alimentação, saúde, calçados e acessórios e imobiliário. Embora não exista um estudo específico sobre o crescimento do setor na região, são inúmeras as empresas que investiram e pretendem investir no mercado sorocabano e regional. Algumas já encontraram parceiros para expandirem seus negócios como é o caso do Fisk - Centro de Ensino, Doutor Resolve - Reparos & Reformas, RE/Max Imobiliária, City Shoes - loja de calçados e acessórios e OdontCompany (rede de clínicas odontológicas).

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising, o sistema vem crescendo a taxas superiores ao Produto Interno Bruto (PIB) nos últimos anos. Em 2009, por exemplo, o faturamento do setor aumentou quase 15% e em 2010 cresceu aproximadamente 19%. A expansão do mercado é uma decorrência de vários fatores. Um deles é que a franquia pode ser uma estratégia interessante para empreendedores que queiram iniciar negócio com maior segurança sem ter de começar tudo do zero. E para quem concede o direito de explorar a marca pode ser o caminho para o crescimento do negócio.

"O setor de franquias tem crescido exponencialmente nos últimos anos, superando o próprio crescimento do PIB. Isso se deve à boa situação econômica, que aumentou o poder de compra dos brasileiros e, consequentemente, impulsionou a busca por investimentos", afirma Ricardo Bomeny, presidente da ABF.

Uma das novidades do mercado de franquias em Sorocaba é a rede imobiliária RE/Max, que inaugurou sua unidade no município no último dia 29. De acordo com o diretor executivo da empresa, Mário Gasperini, a entrada no mercado local reflete o bom momento da economia do município.

"Sorocaba está inserida em uma região em franca expansão. Vários empreendimentos estão sendo lançados, além da instalação de indústrias, muitas delas multinacionais, o que traz uma grande movimentação para o mercado imobiliário", comenta.

Com foco diferenciado, a empresa visa participar do desenvolvimento econômico de Sorocaba e região. "Estamos negociando a vinda de duas empresas multinacionais europeias para Sorocaba. Este tipo de empresa tem o apoio da RE/Max de seus países e de nossa unidade. Trabalhamos juntos para o melhor atendimento. O investimento internacional no Brasil está muito forte e a RE/Max proporciona uma maior facilidade e velocidade de venda. Um bom exemplo são as áreas, galpões industriais, fazendas e outros produtos de maior valor, geralmente adquiridos por investidores de outras cidades, estados e países", afirma Macson Guedes, um dos sócios da RE/Max Exclusiva.

Macson Guedes e o sócio, Ricardo Damasco, optaram pelo modelo de negócios da RE/Max após análise do mercado em que a rede está inserida.

"Sabemos a importância de trabalhar com uma marca líder e da força de uma rede bem organizada trabalhando em equipe. Quanto mais ganhos proporcionamos para nossos representantes, mais motivados eles trabalharão e com mais foco em sua marca. O aprendizado contínuo também é importante e a Universidade RE/Max vem ao encontro de nosso sistema de gerenciamento", comenta Ricardo Damasco.

Com sede em Denver, Colorado (EUA), a RE/Max chegou ao Brasil no final de 2009 e atualmente possui 160 unidades franqueadas. A perspectiva é ter 657 franquias em operação até 2015, antecipando em cinco anos as metas iniciais. Cerca de 11 mil imóveis localizados em território nacional estão cadastrados em seu site (www.remax.com.br). O investimento mínimo para obter a concessão da marca é de R$ 85 mil.

Preparação para eventos os esportivos

A abertura de mais uma unidade em Sorocaba até o final do ano e outras quatro na região até junho de 2012 está dentro de projeto de expansão da marca Fisk (escola de idiomas). "Temos uma boa demanda nas cidades que estão a aproximadamente 200 quilômetros da capital. Sorocaba e região foram escolhidas por conta do desenvolvimento econômico. Além disso, estamos pensando na qualificação das pessoas para os eventos esportivos que acontecerão em 2014 e 2016 (Copa do Mundo e Olimpíadas)", comenta o diretor da Fundação Fisk, Christian Ambros.

A estimativa do franqueador é que em cada unidade sejam abertas de 12 a 15 vagas de emprego. "Cada escola absorve cerca de 15 profissionais, além do seu gestor", comenta Ambros, que acredita no crescimento do mercado de franquias por causa da segurança e credibilidade. "É muito mais fácil apostar em um negócio que já tenha um modelo de gestão testado e aprovado, com material pedagógico diferenciado e que inspire credibilidade."

Para atender aos mais de 600 mil estrangeiros que deverão circular pelo Brasil durante os 30 dias da Copa em 2014 e outros 600 mil durante as Olimpíadas de 2016, a rede de idiomas lança o curso de inglês "May I Help You?", criado para a demanda específica dos profissionais que já atuam ou desejam atuar na recepção de turistas. O curso será feito em todas as unidades a partir de julho deste ano e destinado aos profissionais das áreas de turismo, hotelaria, gastronomia, taxistas, monitores de museus, parques, voluntários, garçons, recepcionistas, entre outros. Segundo Christian Ambros, o crescimento e a procura de cursos de idioma tem aumentado a cada dia. "Estimamos crescimento de 20% já em 2012", observa. "A maioria dos alunos enxergam o preparo antecipado, para atender eventuais oportunidades que possam surgir para trabalhar diretamente nestes eventos."

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?