Início / Notícias / Alimentação e Food Service / Rede Spicy Tuna faz sucesso com conceito pet friendly

Rede Spicy Tuna faz sucesso com conceito pet friendly

Especializada em comida havaiana, rede de franquia investe no segmento para atrair novos clientes e proporcionar a experiência do consumo para os tutores e os pets

Rede Spicy Tuna faz sucesso com conceito pet friendly

Compartilhe:   

Com a intenção de disponibilizar um espaço que abrace todos os tipos de consumidores, o Spicy Tuna, rede de franquia de restaurantes de comida havaiana, adotou o conceito de restaurante pet friendly  para atender a necessidade dos clientes.  Nas lojas da franquia, localizadas em Ribeirão Preto e em São Paulo, é possível encontrar um espaço dedicado aos pets, com bebedouro e comedouro com biscoitos feitos à base de salmão, item essencial do cardápio do estabelecimento. 

Para Giovanni Bruno, fundador e CEO do Spicy Tuna, a adoção dessa prática nas unidades permite aumentar a conexão com os pets e também permite transformar o ambiente em um local mais descontraído. “Os animais fazem parte da nossa realidade, não existe motivo para deixá-los de fora na hora de comer, principalmente na hora que nós mesmos estamos fazendo uma pausa no dia para um lanche. Por isso, nas nossas lojas, sempre deixamos disponíveis espaço para que os pets possam comer e beber, curtindo o mesmo momento que seu tutor”, compartilha.

franquia Spicy Tuna

Outro ponto importante destacado pelo empreendedor é o aumento do tempo de permanência dos consumidores quando estão na presença dos animais de estimação. “Notamos que os clientes que chegam acompanhados com seus animais acabam passando mais tempo no restaurante, justamente porque encontram ali um espaço dedicado para o descanso do animal e também porque assim não precisam interromper o passeio para aproveitar a hora da refeição”, comenta o empresário.

O cuidado adotado no Spicy Tuna também faz parte da realidade de outros restaurantes, que enxergam a potencialidade de crescimento deste mercado, principalmente com o volume aquecido do faturamento do setor de pets. “Entendemos que essa tendência é uma prática a ser adotada a longo prazo por diversos tipos de restaurantes, seja pelo aumento do consumo do setor e também pelo aumento da população animal”. Também, o empreendedor reforça que para receber os animais, é necessário muito além de um espaço. “Promover comodidade, com higiene e a customização correta e, claro, também entregar sabores para que os pets apreciem no local”, finaliza. 

Franquia de alimentação e food service

Fonte

Divulgação 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?