Notícias / Alimentação e Food Service / The BBurgers: Como reestruturamos nossa rede em um ano, fechamos lojas e estamos muito mais saudáveis

The BBurgers: Como reestruturamos nossa rede em um ano, fechamos lojas e estamos muito mais saudáveis

Após repercussão de fechamento de unidades do The BBurgers, CEO da rede explica, em artigo, o que está ocorrendo na operação.

Compartilhe:   

Quem acompanha o sistema de franchising deve ter visto, na primeira semana de outubro, alguma matéria dizendo que franqueados da The BBurgers acusaram o influenciador Carlinhos Maia de ser o culpado pelo fechamento de um grande número de lojas da rede. De todas as reportagens, apenas um veículo entrevistou a The BBurgers e outro redigiu sua matéria baseando-se em informações enviadas por nossa assessoria de imprensa: os demais apenas relataram o que ouviram em um vídeo do Tik Tok, postado por uma ex-franqueada.

Mas o que realmente aconteceu com nossa marca no último ano? Qual é a nossa versão para essa história? 
O maior desafio profissional da minha vida começou há um ano e eu sabia exatamente onde estava me metendo. Sempre atuei no Franchising, tenho experiência como consultor, investidor, franqueador e até como franqueado.

O produto e a marca de Ítalo faziam tanto sucesso que rapidamente ele abriu 20 franquias. Logo, Carlinhos Maia associou-se a ele e a fama do influenciador fez com que muitas pessoas também desejassem ser franqueadas. A venda das franquias ocorreu rapidamente, bem como a implantação dessas lojas. Hoje, avaliamos que esse crescimento exponencial pode ter prejudicado o processo: ao acelerar a marca, o perfil dos franqueados não era homogêneo e as operações não performaram como deveriam, em todas as localidades.

Fui convidado a me tornar CEO da marca em 2022. Quando assumi esse cargo, o fiz com a condição de implantar um projeto total de reestruturação. E as mudanças começaram a acontecer.

A primeira coisa que fizemos foram convenções regionais para conversar com todos os franqueados e explicar as mudanças da rede, de forma a ouvi-los pessoalmente e, assim, entender suas necessidades. Começamos, então, a revisitar processos e implantar ações para a reestruturação da marca.

Passamos por todo um processo de renegociação de contratos com fornecedores, de maneira a melhorar o acesso de seus franqueados a produtos e, assim, aumentar a lucratividade das lojas. Os fornecedores que não se adequaram às necessidades da marca foram substituídos por outros, que trouxeram mais agilidade aos processos, a exemplo do fornecedor logístico, do fornecedor de bebidas e de outros que agregaram competitividade à rede. Hoje, trabalhamos com a 6Place e a Ambev, dentre outros parceiros de peso.

Os franqueados também tiveram ganhos a partir de mudanças realizadas na equipe de Marketing da franqueadora, que ficou ainda mais profissional e capaz de realizar campanhas adequadas à necessidade da rede. Uma assessoria de imprensa também foi contratada para projetar as ações institucionais na mídia de todo o Brasil.

O próximo passo foi ousado: a marca The BBurgers passou por rebranding e toda a comunicação visual será mudada conforme calendário programático das lojas. Com o slogan ‘Yellow Vibes’, a marca ficou mais leve, colorida e alegre, posicionando-se com o público-alvo mais definido. Lojas-chave terão mudança do layot custeado pela franqueadora.

A rede ganhou novo cardápio, que está sendo implantado entre outubro e novembro de 2023. Além dos pratos e sanduíches novos, a marca terá a opção de café da manhã e porções para happy hour, de maneira a aumentar o ticket médio em horários de vacância das lojas.

Ampliamos a consultoria para as lojas, com atendimento total aos franqueados. Além dos tradicionais consultores, lives semanais, de assuntos variados, fazem parte do calendário de treinamentos, para que a rede fique mais unida e atualizada.

Um profissional específico para prestar consultoria em delivery foi contratado para apoiar a rede franqueada. Ligado à Premier Consultoria, de João Barcelos, o novo consultor trabalha exclusivamente para a The BBurgers estrategicamente para que o franqueado possa ter suporte em suas ações de delivery.

A plataforma de gestão Sults foi adotada pela marca, para que os franqueados possam interagir com a franqueadora de forma rápida e organizada, com todos os registros on-line.

A franqueadora criou uma política de crédito para renegociar as dívidas de todos os seus franqueados, de forma a manter as operações das unidades e as recuperar. Criamos um programa de excelência para sua rede franqueada. A ideia é fazer com que os franqueados participem de treinamentos e lives, além de colaborarem com a consultoria de campo, recebendo seus consultores e os procurando sempre que necessário. Assim, a cada ação participativa do franqueado, ele recebe um percentual de desconto na taxa mensal de royalties, como forma de incentivo.

A franqueadora ampliou seu quadro de colaboradores em diversas áreas. Foram contratados profissionais para atuar internamente e consultores externos, que dão suporte estratégico à empresa.

Para reduzir frete e ampliar a capacidade logística, investimos na criação de centros de distribuição regionais. O primeiro deles atende as regiões Norte e Nordeste e já foi inaugurado.

Para nossa alegria, nos associamos à ABF – Associação Brasileira de Franchising, uma prova de que nossa documentação segue os altos padrões exigidos pela entidade e que cumprimos a lei 13.966/19, que rege o sistema de franquias no Brasil.

Estamos trabalhando com a gestão comportamental em nosso ambiente e Yellow Vibes é o termo utilizado para definir o novo momento da empresa. As mudanças praticadas durante todo o ano não são apenas estruturais, mas também atingem a forma como o relacionamento entre a franqueadora e a rede franqueada acontece. As práticas adotadas no cotidiano operacional foram revistas e as equipes recebem treinamentos constantes, de forma a entender e externar as mudanças com positividade e eficiência. Para que os nossos colaboradores possam incentivar os franqueados a mudarem de atitude, eles precisam ser motivados a ter novos comportamentos. Não conseguiremos obter resultados positivos fazendo as mesmas coisas que já fazíamos, então, é preciso implantarmos ações diárias e medir o resultado delas. É trabalhoso, mas os resultados deixam todos satisfeitos.

Por fim, adquirimos uma nova marca, a Johnny Smash Burger, que é muito bem-conceituada no Nordeste brasileiro. Trata-se de uma operação focada em delivery, ideal para ser implantada dentro da cozinha da The BBurgers, com produtos de alta qualidade e ticket médio menor. A estratégia visa atingir o público que quer consumir um bom produto, gastando menos, e exclusivamente por delivery. A marca foi ofertada ao franqueado sem cobrança de taxa de franquia, sem custo de implantação que onerasse a operação, de forma a agregar valor ao negócio.

Até setembro, 30 lojas já aderiram ao novo modelo de negócio e esperamos que toda a rede tenha a marca Johnny Smash Burgers para complementar as opções aos clientes e ampliar o delivery. Também estamos negociando com outras quatro grandes marcas para oferecer produtos que somem ao nosso mix, fortalecendo as lojas.

Com tantas mudanças necessárias para que a marca mantivesse seu padrão de atendimento, produto e qualidade, muitas lojas precisaram ser fechadas. Havia operações que realmente não performavam bem, enquanto outras não se adequaram aos padrões necessários. Por isso, fechamos 100 lojas e desistimos de inaugurar outras 40, cujos investidores foram reavaliados e não atendiam o novo perfil do franqueado que desejamos. Estamos trabalhando para manter operações que são lucrativas. Nosso maior interesse é ver os franqueados ganhando dinheiro, afinal, a marca é nossa!

Para implantar tantas ações de reestruturação em apenas um ano, precisamos fazer grandes investimentos por parte da franqueadora. E, também, houve uma cisão societária, ficando na marca eu, Talles Howard, e Ítalo Bruno como sócios. 

E o Carlinhos Maia? O influencer e humorista continua sendo o garoto-propaganda da marca, especialmente nas localidades onde tem grande apelo de público. Seu contrato com a The BBurgers é de mais dois anos e a empresa poderá usufruir do prestígio, imagem de marca do famoso em suas campanhas variadas. Carlinhos Maia é um dos maiores influencers do mundo e um grande amigo. Ele é nosso parceiro e, certamente, tem um carinho especial pela The BBurgers. Tanto é que, depois de seu pronunciamento sobre a saída da marca, ganhamos mais 100 mil seguidores em nossas redes sociais.

Temos uma marca construída sobre um ativo importante: um produto de alta qualidade, amado pelo brasileiro, de grande aceitação e versátil. Nossa reestruturação está sendo realizada com muito trabalho, investimentos e estratégia empresarial. Com a parceria com nossos franqueados, estamos recuperando espaço no mercado e prontos a voltar a franquear, inclusive com novos formatos. Somos competitivos e uma marca idônea, forte e que vale a pena ser conhecida. 

As mudanças implantadas, necessárias para que a marca retomasse seu crescimento, mas de forma sustentável, trouxeram reflexões a toda a equipe. Quando olhamos nossa rede de um ano atrás e a comparamos com o momento atual, percebemos uma nova empresa, muito mais forte e saudável. Temos a confiança de nossos parceiros comerciais, uma avaliação mercadológica impactante, somos procurados para fusões e aquisições, temos muitos franqueados performando bem e confiantes na marca e uma equipe que tem a certeza de um trabalho focado, dedicado ao sucesso do franqueado.

Aliás, o sucesso das unidades franqueadas é o nosso sucesso. Temos 150 lojas ativas e queremos todas elas saudáveis. Sabemos que o caminho a percorrer é longo, mas o pavimentamos para que o trilharmos juntos, sempre com o sentimento de Yellow Vibes!

*Talles Howard é CEO da The BBurgers Franchising.

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?