Início / Notícias / Gurus / As funções de um Máster Franqueado

As funções de um Máster Franqueado

As funções de um Máster Franqueado

Compartilhe:   

por Antônio Teodoro. Economista e professor.

O setor de franquias já está consolidado no Brasil. Diversas são as alternativas que hoje estão disponíveis para o desenvolvimento de marcas. Áreas ate então restritas as operações regionais, ganharam envergadura e hoje podem ser encontradas em todos os estados brasileiros.

Antes, era quase inimaginável termos franquias de lavagem de carro, franquias de estacionamento e outros serviços, como consultoria empresarial, marketing digital e diversas ferramentas que são demandas de uma economia desenvolvida.
 
A maturidade da economia brasileira fez com que tudo isso se tornasse possível, lucrativo e com extrema confiabilidade nos padrões. As franqueadoras criam padrões, manuais e melhoram os canais de comunicação para saber exatamente como está a operação de suas franquias, por mais distantes geograficamente que estejam.
 
Naturalmente, esta busca incessante por criar moldes de sucesso é a característica mais forte do setor. Esteja você em Goiás ou em Santa Catarina, o padrão visual de uma escola de idiomas de uma mesma rede se repetirá. A identificação é forte, e é marca registrada do segmento.
 
Com a internacionalização das franquias nacionais, é natural que o inverso também ocorra. Ou seja, há para 2014 uma expectativa de chegarem ao Brasil cerca de 40 ou até mais de 40 franqueadoras, prontas para embrenhar numa missão desafiadora em nosso mercado local, ao mesmo tempo em que, muitas retomam suas atividades após terem abandonado suas práticas em solo nacional.
 
Na maioria das vezes, infelizmente, muitos franqueadores estrangeiros desembarcam sem parceiros comerciais locais capazes de lhes apresentaram as especificidades naturais no território nacional, assim como, muitos ex franqueados que foram literalmente abandonados em períodos passados se vêm de novo desafiados a retornar ou não aquela rede.
 
O trabalho pode ser facilitado caso os parceiros estrangeiros escolham trabalhar com os chamados máster franqueados. Lembro que a opção de se trabalhar com máster franqueado não ocorre apenas para empresas que desembarcam em solo nacional, mas com empresas que precisam trabalhar melhor suas regionais em prol de caracterização do negocio. O desembarque destas redes no Brasil apenas retoma a discussão sobre o papel do máster franqueado e desperta nos investidores uma opção para quem deseja ter uma atuação mais ampla, desafiadora e com potencial de retornos financeiros crescentes.
 
Há um apelo e uma necessidade de se desenvolver uma região de forma a garantir o padrão institucional da franqueadora, porém, com os ajustes específicos de cada estado brasileiro, como paladares, cores e culturas diferentes. O segredo do sucesso é manter a qualidade, sem perder a identidade.
 
Para isso, buscar um máster franqueado local significa poder desenvolver aquela região com ajuda local, onde captar novos franqueados e ser responsável por parte do crescimento da rede fica compartilhado com um empreendedor conhecedor dos caminhos locais.
 
Assim como a franqueadora precisa decidir se repassa parte de suas atribuições a um parceiro, o investidor, precisa escolher entre ser um franqueado, que opera um franquia local ou ser um máster franqueado. Tal escolha passa por alguns pontos: o capital investido, a visão de longo prazo e a capacidade de desenvolver a regional. 
 
O capital a ser investido é um dos primeiros pontos a serem pensados quando da busca por se tornar um máster franqueado ou um franqueado individual. O aporte financeiro para os que desejam desenvolver uma regional é maior, pois parte do principio de trabalho continuado, de responsabilidades e representatividade maiores. O máster franqueado também tem fontes de receitas maiores que um franqueado individual, pois na maioria dos casos recebe parte dos royalties e também cobra por alguns serviços destes franqueados estabelecidos em sua região.
 
A visão de longo prazo é fundamental na atuação de um máster franqueado, pois ele é quem criará as oportunidades de entrada de uma rede na região, mapeando as cidades em que possuem potenciais investidores e mercado ser explorado. Eles são responsável, por exemplo, em criar encontros em que se apresentam as franquias, as cidades com maior probabilidade de sucesso.
 
Em complemento a esta visão de longo prazo, desenvolver uma região é uam tarefa muito maior do que abrir uma franquia em determinado endereço. O máster precisa sair de sua zona de conforto, e criar maturidade para que aquilo ocorra de forma concreta, consciente e que os retornos de todos os franqueados sejam os mais atrativos possíveis, sem canibalismo entre as unidades e com potencial de ganho, para o franqueado, para o franqueador e obviamente para ele.
 
O máster franqueado é a ponte mais próxima entre franqueado e franqueador, e por isso, muitas vezes, recebem pressões de todos os lados. De se destacar ainda que o franqueador precisa ter uma visão estratégica de negocio muito forte, pois ele acaba abrindo mão de parte do gerenciamento da rede em prol de um novo parceiro. 
 
A escolha errada de um máster pode atrapalhar todo o desenvolvimento de uma rede, e fato como estes não estão distantes de nosso cotidiano. Redes importantes de restaurantes aportaram no Brasil com máster franqueado escolhidos apenas pelo potencial financeiro.. O resultado foi desastroso, e quase toda a operação foi desarticulada.
 
Alem de potencial financeiro, são características inerentes ao máster franqueado o profundo conhecimento da região onde se atuará, as relações sociais com entidades de classe e profunda identificação com a rede a qual representa. 
 
Para a franqueadora, é um belo exercício de desapego e descentralização, pois permite criar um elo mais funcional entre a operação e a estratégia, colhendo informações e depoimentos de cases.
 
Enfim, uma via de mão dupla entre franqueador e máster franqueado precisa existir para que o franqueado individual tenha em seu dia a dia o melhor suporte operacional, com consultoria de campo e conhecimento de suas especificidades, sem perder a essência que caracteriza uma rede franqueada, com capilaridade e padrão de qualidade constante em todas as regiões brasileiras. 

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?