Notícias / Gurus / Se você quer fazer a diferença, saia da sua zona de conforto

Se você quer fazer a diferença, saia da sua zona de conforto

Compartilhe:   

É mais do que senso comum a crença de que na vida nada se consegue sem trabalho e dedicação. E, claro, o que torna uma conquista memorável é saber o quanto valeu a pena cada esforço para chegar à vitória, porque o que vem fácil também parece escorregar pelas mãos com mais rapidez. Mas como fazer a diferença pra se chegar lá no topo? Como empreender com êxito? Um bom primeiro passo é ter garra para sair da sua zona de conforto.

Temos um conceito enraizado de que o empreendedor de sucesso já nasceu predestinado. Que na sua genética, por alguma razão familiar, ou até mesmo atribuindo a culpa a tal da sorte, essa ou aquela pessoa tem um talento especial para negócios e por isso vai se sobressair em relação à maioria. Mas na prática, o que vemos na “vida nossa de cada dia” é que os resultados vêm da disposição em trabalhar duro, fazer repetidamente algo e ter em mente que é preciso lapidar as ideias e encarar o desafio de acreditar nelas até o fim.

E é nesse ponto que entra a atitude de deixar a zona de conforto para trás e enfrentar o medo, que pode se apresentar em diversas facetas e formas. Seja pela insegurança do incerto, pela fragilidade de encarar seus pontos fracos ou mesmo pelo simples fato de que nem tudo sai como o planejado. Por isso, trabalhar questões como frustração e perdas torna-se tão fundamental na vida de um empreendedor. O fracasso pode existir, mas ele não mata e não dura pra sempre. Muito pelo contrário, ele ajuda a clarear a realidade e impulsiona o ser humano para desafios cada vez maiores.

Curiosamente, conversei sobre essa questão com uma amiga que iniciou um curso de teatro há pouco tempo. Ela me contou o quanto era difícil pra ela no início encarar o público pra representar um papel daquele diferente de tudo o que ela fazia na vida real. Mas todo esse medo foi passando quando ela percebeu que era possível. Que com persistência ela seria capaz de desenvolver seu talento e fazer o melhor que podia em cima de um palco de teatro.

Dessa história, reforcei minha convicção de que o empreendedor não é uma espécie de super-herói que passa pelas dificuldades com certa facilidade. Ele é um profissional dedicado, persistente e que nunca desiste de lutar pelos seus objetivos, nem mesmo quando isso exige que ele encare seus próprios medos e saia da sua zona de conforto.

Lyana Bittencourt é diretora de Marketing e Desenvolvimento do Grupo BITTENCOURT, consultoria de redes de negócios e franquias, e foi nomeada embaixadora brasileira da International Franchise Association (IFA) em 2013.

PUBLICIDADE

Tem interesse no mercado de franquias?