Rede de comida saudável se reinventa e lança modelo de biomercado a partir de R$ 600 mil

Além do restaurante, Kiwi SuperFoods vai comercializar produtos orgânicos, artesanais e produzidos localmente

Belo Horizonte, abril de 2021 - A crise não trouxe apenas desafios, mas também oportunidades de diversificação e expansão. Entre os inúmeros exemplos temos o da Kiwi SuperFoods. A rede de franquias de alimentação, com sede na capital mineira, que acaba de lançar um biomercado que deverá funcionar em total sinergia com o restaurante, agregando ainda mais valor e relevância ao negócio. Fundada em 2014 por Dimitri Oliveira, a empresa tem como público-alvo pessoas das mais diferentes idades que buscam por um estilo de vida saudável, equilibrando corpo e mente.

 

A ideia surgiu a partir do recrudescimento da Empresa, em decorrência da proibição do funcionamento dos restaurantes: de um total de 20 unidades, a Rede passou a contar somente com sete, sendo três delas próprias. "A criação do que chamamos de biomercado agregado ao restaurante faz parte da nossa estratégia de sobrevivência. Os restaurantes estão fechados, mas os mercados têm permissão para estarem abertos. O que fizemos foi remodelar o negócio para aproveitar esta oportunidade", explica.

 

Oportunidade é uma palavra constante no vocabulário de Dimitri. A sede da empresa está localizado na maior fazenda urbana da América Latina, a BeGreen. E é ali que será instalada a primeira unidade do biomercado. "No nosso escritório e restaurante-matriz/escola havia um espaço que estava desocupado. Consegui negociar o imóvel e iniciamos as obras imediatamente. A partir daí, vivemos o melhor cenário possível: pilotar o novo modelo no mesmo local da franqueadora e loja-escola", comemora.

 

Mix de produtos baseado em tríade

 

A localização também vem facilitando a composição do mix de produtos que tem como base a tríade orgânico, local e artesanal sem perder o foco na sustentabilidade ambiental e social. Entre os grupos haverá itens de padaria produzidos pelo restaurante; vinhos orgânicos e cervejas sem glúten; queijos artesanais, sorvetes low carb, carnes orgânicas, frutas, legumes e verduras. Em relação aos itens fornecidos por produtores locais, Dimitri se mostra categórico. "Homologamos os produtores locais e a rede é obrigada a comprar com eles".

 

Além de alimentação, clientes do mercado também poderão contar com itens de higiene e limpeza, beleza sem testes em animais e pouco uso de água, marmitas congeladas para pets, itens de jardinagem e floricultura. "Nossa ideia é sermos diferentes dos mercados tradicionais e oferecermos produtos exclusivos e carregados de boas histórias".

 

Dados do setor são animadores

 

Os cuidados com a alimentação e a saúde já deixaram o status de modismo para ser uma tendência consolidada e muito lucrativa. E isso se intensificou com a pandemia, principalmente por conta das preocupações com a imunidade. Isso é o que mostra uma pesquisa realizada pela Galunion, em parceria com o Instituto Qualibest. Segundo o estudo, 75% dos consumidores disseram que gostariam de comprar comida gostosa, fresca e que ajudasse na imunidade, na própria saúde e da família.

 

 

CONHEÇA A FRANQUIA IDEAL PARA VOCÊ

 

A partir daí, alimentos como os fornecidos pela Kiwi SuperFoods ganharam ainda mais atratividade. Entre os exemplos o estudo aponta um aumento no consumo de bebidas, como o kombucha, uma opção mais natural em relação ao refrigerante; e o matcha; além de condimentos como o coreano Gochujang e a cúrcuma.

 

Expansão e investimentos

 

A intenção da Rede é abrir 20 unidades em dois anos em capitais brasileiras. O investimento inicial é de R﹩ 400 mil. Nestes valores estão incluídos a taxa de franquia, R﹩ 70 mil, investimento em obras e capital de giro. "Ganho de escala com aumento do giro de produtos, ampliação das oportunidades de venda, do faturamento e lucratividade; aumento do ticket médio e ampliação da área de influência do negócio são algumas das vantagens que oferecemos aos nossos franqueados, sem contar na rede de suporte desenhada especialmente para a Kiwi SuperFoods", completa Dimitri.

 

Raio X da Kiwi SuperFoods

  • Investimento:
  • Padrão: a partir de R﹩ 600 mil (inclui investimento em obra e capital de giro)
  • Taxa de franquia: valor fixo de R﹩ 70 mil
  • Royalties sobre faturamento bruto: 6%
  • Fundo de publicidade sobre faturamento bruto: 2,5%
  • Lucratividade: 15 a 20%
  • Ponto de equilíbrio: 6 meses a 1 ano.
  • Retorno: 24 a 36 meses
  • Faturamento mensal: média de R﹩ 150 mil

 

Sobre a Kiwi SuperFoods

 

Fundada em 2014, a Kiwi SuperFoods nasceu com o propósito de, por meio da alimentação e estilo de vida saudável, fazer a diferença na vida das pessoas, ajudando-as a encontrar o equilíbrio entre o físico e o mental de forma leve, descomplicada e, o que é mais importante: sustentável. Não à toa, o sucesso da Empresa pode ser traduzido nos prêmios de Melhor Franquia de Alimentação Saudável do Brasil concedido pela Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, nos anos de 2015, 2017 e 2018, 2019 e 2020.

 

 

CONHEÇA A FRANQUIA IDEAL PARA VOCÊ

 

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising

 

Encontre a melhor franquia para você

-->