Franquias de alimentação valem a pena?

graças às tendências desse mercado como demandas via aplicativos de delivery e novos modelos de negócios de baixo custo

Em 2018, o segmento de alimentação movimentou R$ 205 bilhões, segundo pesquisa realizada pela GS&NPD para o Instituto Foodservice Brasil (IFB) em fevereiro de 2019. Trata-se de um crescimento acima do mesmo período de 2017, embora neste ano o setor tenha enfrentado estagnação no primeiro semestre, devido a vários fatores como a greve dos caminhoneiros.

Dessa forma, há importantes sinais de crescimento que podem ser observados. O ticket médio gasto com alimentação fora do lar está na casa dos R$ 14, uma elevação de 2% no comparativo com 2017. Para esse resultado, o setor recebeu 14 bilhões de visitas de clientes, 120 milhões a mais do que em ano anterior.

O segmento de alimentação fora do lar é sempre um dos mais aquecidos no mercado, principalmente por meio das operações de redes de franquias em espaços de grande circulação de pessoas como praças de alimentação em shoppings e grandes redes de supermercados.

Algumas tendências podem ser apontadas como razão do constante crescimento do setor:

- A pulverização de ramos de atuação do setor oferece tanto a praticidade de fazer um lanche rápido ou uma refeição completa como dispor de um restaurante mais sofisticado. Há opções para todos os gostos e bolsos.

- Para oferecer mais opções aos clientes e aquecer, a tendência dos shoppings é distribuir pontos de alimentação em quiosques, cafés e outros formatos criativos. É uma maneira inclusive de que sejam abertos negócios de baixo custo e alta lucratividade.

- A diversificação de locais para a implantação de novos negócios em ruas e avenidas bem movimentadas ou próximas a estações de metrô ou terminais de ônibus tem facilitado o crescimento do segmento, principalmente por meio de redes de franquias, que já entram no mercado com modelo de negócio testado.

- Outro importante fator é a mudança dos hábitos alimentares gerada pela facilidade oferecida pelos aplicativos de delivery também impulsionam o crescimento da demanda por alimentação fora do lar.

 

Vejam a seguir algumas redes de franquias do segmento de alimentação em pleno processo de expansão:

 

1. MEU AÇAÍ EXPRESS 

A rede de lojas Meu Açaí Express chega ao mercado de alimentação saudável com produtos inovadores e premium, modelo de negócios variados em lojas que vão de 9m² a 20m²  e atendimento express. Seu produto possui um diferencial pois priorizam a tecnologia de processamento levando um fruto muito mais fresco às pessoas.

Meu Açaí Express

 

Dados de Investimento

Investimento Total: R$ 63.000,00 até R$ 138.000,00

Faturamento Médio Mensal: R$ 14.000,00 à R$ 65.000,00

Retorno: 8 a 12 meses

 

SAIBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A FRANQUIA MEU AÇAÍ EXPRESS

 

2. CHEIRIN BÃO

Criada em 2014, a rede de franquias Empório Mineiro Cheirin Bão tem como objetivo popularizar o consumo de café especial no Brasil e levar o gosto caipira para grandes centros urbanos por meio de seu modelo de negócio de franquia.

Café Cheirin Bão

Dados de Investimento

Investimento Total: R$ 89.000,00

Faturamento Médio Mensal: R$62.000,00

Retorno: 12 meses

 

SAIBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A FRANQUIA CHEIRIN BÃO

 

3. PIZZA HUT

A Pizza Hut, maior rede de pizzaria do mundo está presente em 100 países com mais de 16mil restaurantes distribuídos pelos cinco continentes. Por dia, 11,5 milhões de pizzas são vendidas para mais de 4 milhões de consumidores da Pizza Hut no mundo.

Presente desde 1989 no Brasil, atualmente são cerca de 180 restaurantes distribuídos em 23 estados e mais de 60 cidades, atingindo o número de 1 milhão de pessoas consumindo Pizza Hut por mês. Até 2023, serão inauguradas 700 lojas no país.

 

Dados de Investimento

Investimento Total: a partir de R$ 900.000,00

Faturamento Médio Mensal: R$270.000,00

Retorno: 36 meses

 

SAIBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A FRANQUIA PIZZA HUT 

 

4. FÁBRICA DE BOLO VÓ ALZIRA

 

A rede de franquias Fábrica De Bolo Vó Alzira iniciou sua atividades no franchising em 2014 e hoje, a marca está presente em diversos estados, conta com mais de 215 lojas, em diversos formatos de operação. Seu grande diferencial é oferecer aos clientes bolos que mantenham a essência de um produto caseiro. Os canais de venda não se restringem ao Ponto de Venda. Por se tratar de uma pequena Fábrica, o franqueado explora Delivery, Encomendas , Revenda em bares, restaurantes e parceiros, empresas em geral e coffe break, podendo alavancar ainda mais sua área de atuação e consequente aumento das vendas.

 

Dados de Investimento

Investimento Total: R$ 99.000,00 até R$ 199.000,00

Faturamento Médio Mensal: R$ 50.000,00

Retorno: 18 a 24 meses

 

SAIBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A FRANQUIA FÁBRICA DE BOLO VÓ ALZIRA

 

5. BARNEY’S BURGER

Fundado em 2011 na cidade de Fortaleza-CE por Marcelo Pimentel, o Barney’s Burger surgiu da vontade do fundador em empreender e desenvolver experiências gastronômicas. Logo na inauguração, o negócio foi um sucesso de público, tornando-se referência na região, o que permitiu em 2015 a abertura de uma segunda unidade na cidade.

A opção da BARNEY’S BURGER pela expansão via Sistema de Franquia está em consonância com a crescente evolução do sistema no Brasil, bem como a expectativa em expandir a marca e seu modelo de negócios, de forma profissional e organizada, transferindo o know-how a seus Franqueados.

 Hamburguer - Barneys Burger

Dados de Investimento

Investimento Total: R$350.000,00 até R$640.000,00

Faturamento Médio Mensal: R$ 140.000,00

Retorno: 25 meses

 

SAIBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A FRANQUIA BARNEY’S BURGER

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos

Saiba mais: Como abrir uma franquia

 

Fonte: Editorial – www.suafranquia.com.br

Encontre a melhor franquia para você