Seguralta

Gustavo Zanon tinha 14 anos quando iniciou sua carreira no departamento de seguros de vida da Seguralta, passou por todas as áreas operacionais da empresa e, atualmente, ocupa o cargo de Diretor Executivo e CEO da Seguralta. Reinaldo Zanon iniciou aos 18 anos, saiu para buscar conhecimento em grandes empresas e voltou para revolucionar os negócios da família. Hoje ocupa a posição de CEO do Grupo Zanon.

 O case dos irmãos Zanon mostra que é possível ter sucesso na sucessão familiar. No caso deles, foi muito mais do que isso. Assumiram os negócios do pai, uma corretora de seguros de São José do Rio Preto (SP), e a transformaram na 12ª maior franquia do Brasil, segundo o ranking da Associação Brasileira de Franchising.

 A Seguralta nasceu em 1968, fundada por Reinaldo Zanon Filho. A empresa já caminhava bem como conceituada corretora de seguros do interior paulista. Quando Reinaldo e Gustavo assumiram os negócios do pai, tiveram de vencer o mito de que empresa familiar não dá certo após a sucessão.

 "Tínhamos esse imenso desafio pela frente, mas passar por todos os departamentos da empresa me ajudou a superá-lo. Conhecer como funciona cada processo foi fundamental para que pudesse colaborar para o crescimento do negócio", diz Gustavo Zanon, CEO da Seguralta.

 Com pensamento visionário, em 2008, Gustavo e Reinaldo levaram a Seguralta para o ramo de franchising, em uma época na qual poucas pessoas acreditavam nesse modelo de negócio no Brasil. A decisão deu um novo rumo à empresa. 

"Quando comecei na Seguralta, com meus 18 anos, não gostava do que fazia. As pessoas me viam como o filho do dono, e que só estava naquela função porque meu pai era o dono do negócio. Isso me incomodava muito. Fui trabalhar em multinacional. Comecei como vendedor e cheguei ao nível de equipe de expansão global, recrutando, supervisionando uma rede com mais de 500 pessoas. Utilizei esse 'know how' para, junto com meu irmão, fundarmos a Seguralta Franchising, pioneira do ramo de corretora de seguros a operar no sistema de franquias", explica Reinaldo Zanon.

De lá para cá, a corretora de seguros não parou mais de crescer. Recentemente, superou a marca de mil franquias em funcionamento e agora mira expansão internacional, com uma unidade já em funcionamento nos Estados Unidos.

 Atualmente, são mais de 200 mil clientes atendidos. Em 2017, a Seguralta inaugurou 270 franquias e registrou crescimento de 27% em relação a 2016, com produção de R$ 226,6 milhões. Em 2018, o crescimento foi de 25% na comparação com o ano anterior. 

Confira algumas oportunidades: Franquias por Segmentos e Ramos

Saiba mais: Como abrir uma franquia 

Compartilhar:

Leia Mais Histórias do Franchising