Portobello Shop - Histórias do Franchising - Portal Sua Franquia - O Portal dos Bons Negócios

Portobello Shop

Enviado em 01/01/2016 às 01:00:00

 

HISTÓRIA

Portobello Shop: a indústria no varejo

Implantada em 1998, a Portobello Shop, empresa subsidiária da Portobello S/A, é a única rede de franquias especializada em revestimentos cerâmicos do Brasil. Criadas para aproximar a indústria do cliente final, as lojas respondem hoje por 27% das vendas da companhia no mercado interno, que conta com outros dois canais de distribuição: setor de engenharia civil e revendas, como home centers.

Tudo começou quando Cesar Gomes Junior, presidente da Portobello S/A, vislumbrou o canal próprio de vendas em 1996, colocando em operação 25 showrooms, localizados estrategicamente nas principais capitais brasileiras. Mesmo sem efetuar venda, os estabelecimentos serviram de base e de termômetro para a estruturação do plano da empresa. Durante esse período, a estratégia foi entender o mercado e se atentar aos detalhes, preferências, solicitações e demandas dos clientes. Com o domínio dessas informações e das técnicas de gestão varejista, o passo seguinte foi transformar esses espaços em lojas. Para isso, foi implementado o sistema de franchising, o que levou à adequação do mix de produtos para oferecer soluções exclusivas e serviços diferenciados como, por exemplo, medição de obra, projeto de assentamento, instalação e entrega programada. Um grande investimento ocorreu no atendimento, principalmente para proporcionar todo o suporte necessário, inclusive com equipe de vendas especializada em arquitetura.

A receita deu tão certo que em 1999 a rede já somava 49 unidades e dava início à criação do conselho de franqueados, cujo objetivo principal era levantar, entender e solucionar as necessidades de cada loja. Desde então, foram vários os desafios superados em função do ineditismo da rede e que, ao mesmo tempo, mostraram o acerto do negócio.

Em 2004, Juarez Leão, profissional especializado no mercado varejista, assumiu a direção da Portobello Shop. Seu objetivo era impulsionar o crescimento da rede, por isso reestruturou a equipe interna, realizou uma pesquisa para identificar as novas necessidades dos franqueados e estabeleceu vínculo e desenvolvimento de novos serviços de apoio à rede. Nesse período, a Portobello Shop, que já contava com 71 pontos-de-venda, tornou-se juridicamente independente e subsidiária da Cerâmica Portobello. Em seguida deu início a um projeto de crescimento e expansão, atrelado à reorganização interna, aproximação com os franqueados da rede, relacionamento com especificadores, desenvolvimento de novos formatos de lojas e foco nos resultados.

O balanço geral de todas essas ações gerou um faturamento de R$ 167 milhões em 2007, com expectativa de aumento em 35% para 2008. Isso significa dizer que o volume de pisos vendidos irá superar 2,5 milhões de metros quadrados.

 

 

A PORTOBELLO SHOP ATUALMENTE 

Atualmente a empresa possui 106 lojas e está presente em Alagoas, Amazonas, Bahia, Brasília, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins. A previsão é fechar o ano com 122 lojas. 

Só em 2006 a rede franqueadora abriu 21 lojas no formato compacto e fechou outros seis contratos, sendo a maioria aberta por franqueados que já possuíam uma loja do modelo tradicional, o que demonstra o alto grau de satisfação e confiança no negócio. O plano de expansão da empresa prevê a abertura de unidades em várias cidades da Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

No início de 2007, a rede investiu em mais um modelo diferenciado de loja: o Empório Portobello. Seu objetivo é contribuir para a acessibilidade da marca, apresentando não só os produtos tradicionais das lojas Portobello Shop, como também os de ponta-de-estoque e com descontos especiais, além da possibilidade de retirada imediata, já que possui, na própria unidade, uma área de estocagem.

Elas foram projetadas para ter no mínimo 300 metros quadrados, sendo 200 metros para a área de venda e 100 para o estoque. A expectativa da empresa é abrir pelo menos cinco dessas unidades até o final do ano e algumas das praças-alvo são Rio Branco (AC), Macapá (AP), Cuiabá (MT), Teresina (PI) e Boa Vista (RR) e cidades do interior do Estado de São Paulo.

Ainda em 2007, a empresa identificou mais uma frente, em mercados específicos, onde mesclou os formatos Tradicional e Compacta ao Empório. Dessa forma, surgiram a Tradicional Promocional e a Compacta Promocional. Nesse modelo, a loja apresenta os mesmos produtos de alta qualidade, estilo e design, contemplando todo o portfólio de produtos e serviços da rede, além da conveniência de poder encontrar algum item em destaque, já com estoque para retirada imediata. A estratégia foi tão acertada que a expectativa da empresa é converter, até dezembro de 2008, 82% da base já instalada para o modelo Promocional. 

 

Mais Você

As Histórias + lidas

24 horas 7 dias 30 dias
Copyright © 2016 SuaFranquia. Todos os direitos reservados.