Recomendações antes de abrir uma franquia

Como afirmarmos em recente artigo, o modelo de franchising é uma tendência já consolidada no Brasil, que ocupa hoje o quarto lugar mundial em número de unidades. A segurança oferecida por uma marca já testada pelo mercado e a baixa taxa de mortalidade desse tipo de empreendimento são as causas mais comuns de tanto sucesso, mas na hora de abrir uma franquia alguns pontos importantes devem ser observados.

O primeiro passo recomendando pela maioria dos especialistas é procurar obter um conhecimento um pouco mais amplo das principais particularidades do sistema de franquias. Uma boa dica é pesquisar em revistas, livros e portais especializados sobre o tema, como o próprio Portal Sua Franquia ou o site da Associação Brasileira de Franchising. Também é importante a leitura da legislação, Lei de Franquias (L8955).

Após esse estudo é preciso fazer uma autoanálise para definir qual tipo de negócio melhor se enquadra no seu perfil de empreendedor. Afinidade com o segmento em que a franquia atua (Tecnologia, Serviços, Alimentação, etc.) e experiência na atividade são pontos a serem levados em conta na hora de escolher. A quase totalidade das redes no Brasil são de empresas nacionais, por isso esteja atento às oportunidades que o mercado oferece na sua região de interesse.

A próxima etapa é assegurar-se de que tem o capital necessário para arcar com os investimentos iniciais para montar a franquia, como taxas, royalties, equipamentos, dentre outros. Na Circular de Oferta de Franquia (COF) que o franqueador entrega durante o processo de seleção de candidatos, estão detalhados todos os procedimentos e operações. Compare as diferenças de custos e investimento de cada marca, perspectiva de retorno, geração de receitas mensais recorrentes e escolha o modelo mais vantajoso.

Além da questão dos custos, um ponto que deve ser visto com aplicação especial é o suporte, treinamento e transferência do know-how. Escolha somente franquias que se comprometam contratualmente a dar apoio contínuo na gestão do negócio, oferecendo assessoria, consultoria e treinamento para o franqueado e seus funcionários.

Observe ainda com atenção os manuais de operação da franquia e os meios de disseminação da base de conhecimento para a rede franqueada, como sites específicos, material didático de treinamento presencial ou à distância, entre outros. A atuação de uma franquia, merecedora desse nome, deve ser capaz de transferência de know-how.
 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising

Fonte: Assessoria - www.suafranquia.com

Artigos Fábio Túlio

Gestão das micro e pequenas empresas: uma oportunidade para quem quer abrir uma franquia

Gestão das micro e pequenas empresas: uma oportunidade para quem quer abrir uma franquia

O mercado brasileiro tem se mostrado terreno fértil para empreendedores. Muitos criam suas próprias empresas e outros apostam em levar à frente,...

Ver mais

Você conhece os riscos que sua empresa corre com uma gestão ineficaz?

Você conhece os riscos que sua empresa corre com uma gestão ineficaz?

Geralmente as deficiências na gestão de uma empresa só são questionadas no momento em que acende a luz vermelha do faturamento e...

Ver mais

Modelos de gestão da franqueadora versus franquias

Modelos de gestão da franqueadora versus franquias

Uma franqueadora deve estruturar a gestão sob duas perspectivas que valoram processos diferentes: a gestão da franqueadora e a gestão modelo da...

Ver mais

Ver mais

Ver mais

Encontre a melhor franquia para você