Mercado infantil e sistema de franquias

Grandes empresas de brinquedos, vestuário, comunicações, alimentos, beleza, escola de idiomas, entre outros segmentos têm concentrando grandes esforços no ‘mercado infantil’. As crianças têm, cada vez mais, poder de escolha e influência sobre os pais. Além disso, hoje os pequenos despertam mais cedo para o consumo. Os produtos devem ir de encontro às suas necessidades e desenvolvidos especialmente para elas e não adaptados, já que se trata de um público fiel, porém exigente.

O mercado de moda infantil, por exemplo, cresce em ritmo acelerado no Brasil. Corresponde a cerca de 15% do mercado de vestuário do Brasil. As meninas são as principais responsáveis pela prosperidade do setor, já que do total de peças vendidas, 70% são voltadas para atender às pequenas vaidosas. Os pais nunca gastaram tanto com o consumo dos filhos como agora. O momento não poderia ser mais interessante. O mundo do franchising também aposta no poder das crianças para crescer cada vez mais.

Um exemplo bastante interessante de que investir no mercado infantil pode render são as histórias de sucesso vivenciadas por várias redes franquias que atuam neste segmento como: Lilica & Tigor, Green by Missako, Future Kids, The Kids Club, entre outras.

Tornar-se um franqueado de marcas já consolidadas no mercado traz inúmeras vantagens aos empreendedores em busca de um negócio no qual investir. Entre elas, pode-se citar:

- A experiência do franqueador favorece ao franqueado queimar etapas. O resultado do negócio vem mais rápido;
- A visibilidade da marca contribui para a competitividade do negócio frente à concorrência local;
- Com várias operações em funcionamento, com conceito testado, os riscos para o franqueado são menores;
- Participar de uma rede de negócio gera ganhos de escala. O pequeno empresário passa a ter as vantagens de uma grande rede;
- O franqueado não sofrerá da solidão empresarial, ele contará com apoio e orientação permanentes sobre a gestão do negócio (treinamentos / manuais);
- Retorno de investimento em menor tempo, pois a Franqueadora possui uma capacidade maior para investir em marketing.

A segurança de que o negócio realmente dará certo é potencializada. O empreendedor não sofrerá, por exemplo, com enganos comuns à administração do negócio, já que todo o know how será fornecido pela empresa franqueadora. A minimização dos riscos é uma das principais vantagens de trabalhar com franquias já consolidadas no mercado.

Por outro lado, os empreendedores em busca de boas oportunidades de negócios não estão livres de se identificar com franquias lançadas recentemente no mercado. Nesses casos, é preciso ser cauteloso na análise do negócio.

Um sistema novo de franquia pode ser procedente de uma grande indústria ou de outra empresa já consolidada e com experiência de mercado. Portanto, sem grandes riscos. Por outro lado, se o sistema de franquia é novo e o negócio em si também, o franqueado deve saber que vai entrar no risco junto com este empreendedor, pois podem passar por experiências positivas e negativas, ninguém sabe!

Neste caso, vale analisar se existe um bom plano de negócio, com projeções consistentes e qual o nível de envolvimento e comprometimento do empresário com este plano. A capacidade de gestão dos profissionais e a estrutura da empresa franqueadora minimizarão os riscos. Ainda assim, o risco de que a marca em questão sofra com a famosa “crise dos 7 anos” e junto com ela, os franqueados, não está descartado.

Dessa forma, os melhores conselhos para empreendedores em busca de um negócio interessante para se tornar um franqueado são as seguintes:

- Realize simulações de resultados com base nas informações locais;
- Compare os resultados do negócio com as suas expectativas;
- Trabalhe com duas simulações de resultados, uma otimista e outra conservadora;
- Contrate ou peça ajuda a especialistas (para aqueles que não possuem afinidades com números).
Onde pesquisar franquias?
- Portais e sites especializados – www.suafranquia.com
- Revistas do segmento;
- Feiras de negócios;
- Internet;
- Guias do segmento;

Em seguida, entre em contato com as empresas escolhidas, lembre-se de estabelecer comparações para todas as situações. Fazer uma análise crítica do negócio é bastante indicado. Com base nessas informações e seguindo todas as etapas para escolha da franquia, suas decisões serão tomadas de maneira segura. Boa sorte!

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Confira mais artigos em: Gurus do Franchising

Fonte: Assessoria - www.suafranquia.com

Artigos Claudia Bittencourt

Atitudes dos franqueadores de sucesso

Atitudes dos franqueadores de sucesso

As empresas Franqueadoras, já consolidadas que aprenderam a cultivar e manter um bom relacionamento com seus franqueados continuam dando certo Independentemente...

Ver mais

O treinamento e a comunicação empresarial nas redes de franquias

O treinamento e a comunicação empresarial nas redes de franquias

Antes de falar em treinamento vale uma reflexão sobre a responsabilidade do franqueador em relação à rede de franquias a responsabilidade do...

Ver mais

Erros que comprometem o início da expansão por franquia   

Erros que comprometem o início da expansão por franquia  

  No nosso dia-a-dia como consultores de empresas deparamo-nos com franqueadores cujos seus negócios com franquia não tiveram o desempenho e a...

Ver mais

Ver mais

Ver mais

Encontre a melhor franquia para você

-->