Empreendedorismo feminino no franchising

Quantas vezes, em papos de família ou networking, ouviu-se a expressão: "O cara que criou esse negócio é um gênio"?

No senso comum, é natural associar boas ideias a grandes homens - é uma máxima trivial no mercado de trabalho, seja franchising ou outros modelos de negócios. Mas, não só de grandes gênios é feito o cenário de inovação e empreendedorismo no Brasil e no Mundo. Mulheres inventam, criam, fazem e lideram, diariamente, oportunidades lucrativas.

E um estudo realizado pela Rede Mulher Empreendedora (RME), primeira rede de apoio a mulheres empreendedoras do Brasil, revelou que a cada 100 empresas abertas no Brasil, 52 são comandadas por mulheres. Esses dados revelaram ainda que 44% das entrevistadas são chefes de famílias e 55% possuem filhos. Seja por necessidade, dificuldades na colocação ou visão, elas – ou nós – estamos no comando.

No universo das franquias, a presença feminina é, também, crescente. Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), a força feminina representa 48% dos franqueados no Brasil, sendo que, destes, 34% são em cargos de liderança.

Lidamos, em igualdade, com parceiros fornecedores, clientes, franqueados e todo o mercado, encarando, com igual seriedade, as dificuldades inerentes ao empreendedorismo, que indefere ao sexo, assim como as possibilidades de sucesso e fracasso. A mudança está na maneira com que isso é encarado: mulheres têm, como característica, maior rapidez de raciocínio e multifuncionalidade, aliado a um pensamento lógico do todo.

A evolução no tratamento a essas empreendedoras está acontecendo. Em alguns setores, por exemplo, a sensibilidade e intuição feminina já dominam, inteligentemente, podendo e devendo ser utilizadas a favor do negócio, gerando maior empatia com o cliente, envolvimento da liderança com a proposta da franquia e ganhos reais. Cabe, portanto, uma continuidade e evolução nesse sentido de igualdade de oportunidades e maior crença nelas. Afinal, gênias também têm ótimas ideias!

*Veronicah Sella, Co-fundadora da marca Criamigos, é graduada em Administração pela UPF (RS), com MBA em Marketing pela FGV e pós-graduação em Dinâmica de Grupo pela SBDG. A empresária já participou de missões empresariais nos EUA e China e foi franqueada da Empório Essenza e sócia da Feira Festejar Gramado.

 

Encontre a melhor franquia para você: Franquias por segmentos e ramos
Saiba mais: Como abrir uma franquia

 

Fonte: Assessoria - www.suafranquia.com

Artigos Outros Artigos

Cinco mudanças que o digital trouxe para o varejo físico

Cinco mudanças que o digital trouxe para o varejo físico

Quem ainda era reticente com o comércio eletrônico e a presença de soluções digitais no varejo teve que rever sua opinião com a...

Ver mais

Cinco tendências em negócios para 2022

Cinco tendências em negócios para 2022

As turbulentas tempestades provocadas pela pandemia estão, finalmente, dando pequenos sinais de melhora. Contudo, o cenário que se desenha não...

Ver mais

Transformação tecnológica impacta mercado varejista: omnichannel já é realidade no comércio

Transformação tecnológica impacta mercado varejista: omnichannel já é realidade no comércio

A transformação digital tem um impacto considerável no setor varejista. Com a inovação tecnológica, a busca por novas formas de...

Ver mais

Ver mais

Ver mais

Encontre a melhor franquia para você

-->