Administrar problemas ou administrar o negócio?

Você perde muito tempo administrando os problemas da sua empresa?  Se a pergunta é oportuna, a resposta é clara.

A queda da mortalidade das empresas, segundo o SEBRAE, vem reduzindo ano após ano, devido a melhoria na gestão, através do planejamento estratégico e de investimentos tecnológicos. No cenário de franquias a longevidade é ainda maior.

Há poucos anos, uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) apontou que 90% dos estabelecimentos comerciais que pediram falência não eram franqueados e apenas 30% das franquias fecharam as portas no mesmo período. Assim mesmo, esse percentual poderia ser ainda menor, se 100% dos franqueados estivessem à frente do negócio. Mas, infelizmente, parte de seus executivos são investidores que deixam a gestão nas mãos de profissionais nem sempre qualificados.

Apesar dos negócios envolvendo franquias sinalizarem uma boa opção para o empreendedorismo, engana-se quem pensa que a franquia sobrevive apenas pela sua marca, são vários fatores que contribuem para o seu sucesso e o papel da gestão do franqueado em parceria com a da franqueadora é uma delas, talvez a principal.

Mesmo para o microempreendedor, estimulado pela microfranquia é preciso estar na linha de frente para colher os frutos.

Problemas ocorrem na gestão de grande parte das empresas, no caso das franquias, podem ser minimizados com o apoio da franqueadora, liberando o franqueado para dedicar mais tempo para administrar melhor o seu negócio.

Sidney Cohen é palestrante, Diretor da Bit Partner Consultoria Empresarial -  www.bitpartner.com.br  e Diretor do PME NEWS – Informativo eletrônico para Pequenas e Médias Empresas – para assinar gratuitamente, acesse -  www.pmenews.com.br

Artigos Sidney Cohen

O perfil do profissional de Franquias: o mercado de trabalho também está atento para esse segmento.

O perfil do profissional de Franquias: o mercado de trabalho também está atento para esse segmento.

O setor de franquias é um dos segmentos que mais cresce. Mesmo em período de crise como o ano de 2015, o crescimento registrado foi de 8,3% em faturamento...

Ver mais

Franquias: O setor de franquias brasileiro é um dos segmentos que mais cresce.

Franquias: O setor de franquias brasileiro é um dos segmentos que mais cresce.

O modelo de franquias surgiu em 1862 nos Estados Unidos, por meio da Singer Sewing Copany, fabricante de máquinas de costura, que iniciou o seu processo de...

Ver mais

O comércio eletrônico é a salvação?

O comércio eletrônico é a salvação?

As consequências da crise foram inúmeras, a começar pelo desemprego. Nessas horas, apesar do clima de incerteza é um bom momento para...

Ver mais

Ver mais

Ver mais

Encontre a melhor franquia para você